Ouça a rádio

Compartilhe

Traficantes são suspeitos de incendiar escola e ameaçar funcionários em Ribeirão das Neves

Suspeita é de incêndio criminoso, já que paredes da escola foram pichadas com frases de ameaças

Bombeiros levaram quatro horas para controlar o incêndio

Equipes do Corpo de Bombeiros controlaram um incêndio que destruiu três cômodos da Escola Estadual Professor Paulo Freire, no bairro Metropolitano, em Ribeirão das Neves, na Grande BH, na madrugada desta terça-feira (14). A polícia suspeita que traficantes da região provocaram o incêndio. Eles também picharam paredes da escola com ameaças contra alguns funcionários. As aulas foram suspensas.

Conforme apuração da rádio Itatiaia no local, os criminosos estariam insatisfeitos com o trabalho educacional feito pela escola. "Próxima vez é vapo", diz uma frase.

As chamas atingiram e destruíram uma sala anexa à biblioteca e outros dois cômodos. Foram quatro horas de combate às chamas. Ninguém se feriu, mas a Defesa Civil foi acionada para verificar dano estrutural.

A perícia da Polícia Civil é aguardada na escola nesta terça-feira (14).

Traficantes são suspeitos de incendiar escola e ameaçar funcionários em Ribeirão das Neves#Itatiaia pic.twitter.com/4qP1J3efQz

— Itatiaia (@itatiaia) June 14, 2022

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido