Ouça a rádio

Compartilhe

Adolescente envia mensagem para amiga contando que foi abusada pelo padrasto e polícia é acionada em escola

A menina, de 13 anos, disse que sofreu os abusos quando tinha cerca de 9 anos 

Polícia Militar foi acionada após a adolescente confirmar o abuso para vice-diretora de escola em Uberaba

A direção de uma escola descobriu que uma adolescente, de 13 anos, foi abusada sexualmente pelo próprio padrasto, de 38, após ela enviar uma mensagem para uma amiga contando a história pelo WhatsApp. O caso foi registrado em Uberaba, no Triângulo Mineiro, na última segunda-feira (13).

Segundo boletim de ocorrência, a vítima enviou uma mensagem para a colega explicando que foi abusada pelo padrasto quando tinha cerca de 8 ou 9 anos de idade.

A história chegou até a vice-diretoria da escola, que chamou a menina para conversar sobre o assunto. A adolescente confirmou os abusos e, em seguida, a direção chamou a polícia.

Ao chegar à escola, os policiais militares conversaram com a vice-diretora e registraram a ocorrência.

Suspeito não foi preso

Em nota enviada à Itatiaia, a Polícia Civil disse que o caso está em investigação e que o suspeito não foi preso.

"A Polícia Civil informa recebeu a denúncia do suposto crime de estupro de vulnerável praticado pelo suspeito, de 38 anos, em desfavor de sua enteada, de 13 anos. Um procedimento investigativo foi instaurado e tramita, sob sigilo, na Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher de Uberaba. Até o momento, não houve prisão", diz o texto.

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido