Ouça a rádio

Compartilhe

Redes de pesca são apreendidas na Lagoa da Pampulha; peixes são encontrados mortos

Uso de redes é proibido por lei e configura crime ambiental

Pesca é proibida na Lagoa da Pampulha

A Guarda Municipal de Belo Horizonte apreendeu, na noite dessa terça-feira (8), oito redes que eram utilizadas para a prática da pesca na Lagoa da Pampulha. No local, foram encontrados diversos peixes enroscados no material e sem vida.

De acordo com o órgão, os guardas realizavam um patrulhamento nas imediações da orla da Lagoa quando foram surpreendidos com a ação. Na sequência, as redes foram encaminhadas para o Departamento de Investigações de Crimes contra o Meio Ambiente, da Polícia Civil.

Segundo informações repassadas pela Guarda Municipal, o material estava distribuído em uma área de aproximadamente 300 metros, e a forma de colocação das redes indicava que os peixes seriam consumidos.

O uso de redes, tarrafas e anzóis do tipo garatéia são proibidos por lei e configuram crime ambiental.

Os suspeitos não foram encontrados pelos agentes. Porém, as autoridades contam com o apoio de câmeras do Centro Integrado de Operações (COP–BH) para tentar identificá-los.

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido