Ouça a rádio

Compartilhe

Pai que jogou a filha recém-nascida da laje da casa em Teófilo Otoni é indiciado por homicídio; polícia prevê crime premeditado  

A Polícia Civil concluiu as investigações nesta quarta; homem foi preso em flagrante na segunda-feira

Pai é indiciado por homicídio qualificado após jogar filha recém-nascida de uma altura de 9 metros

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) indiciou por homicídio qualificado, nesta quarta-feira (8), um homem de 26 anos, acusado de matar a filha recém-nascida, após jogar o bebê de uma laje de nove metros de altura, em Teófilo Otoni, na região do Vale do Mucuri. O pai da vítima, que teria praticado o crime de forma premeditada, foi preso em flagrante na segunda-feira (6).

O homem segue sendo investigado por ameaças e injúria contra a mãe do bebê. O inquérito foi enviado ao Ministério Público de Minas Gerais para as medidas legais cabíveis.

Relembre

Uma criança de dois meses morreu após ser arremessada pelo próprio pai, de 26 anos, da janela do segundo andar de um prédio, em Teófilo Otoni, no Vale do Mucuri, na noite de sábado (28/5). O suspeito discutia com a mãe da menina, quando, por vingança, jogou a filha do imóvel.

De acordo com a Polícia Militar (PM), o pai da criança teve um desentendimento com a mãe dela e, quando ela parou para olhar uma panela no fogão, ele pegou a criança e a arremessou do prédio.

A criança caiu na rua e foi socorrida pela mãe e moradores até uma Unidade de Pronto Atendimento, no entanto, ela deu entrada na Unidade já sem vida.

Após o crime, o suspeito fugiu do local e foi localizado por policiais militares.

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido