Ouça a rádio

Compartilhe

Homem é preso por decepar pata de cadela usando uma foice no Norte de Minas

Suspeito seria vizinho da tutora do animal, que foi socorrido para a ONG Proteção Animal de Porteirinha

Safira ficou sem a pata traseira após o ataque

Um homem de 30 anos foi preso por decepar a pata de uma cadela, que pertencia à vizinha, com uma foice. O caso foi registrado na última terça-feira (7), na Comunidade de Angicos, zona rural de Porteirinha, no Norte de Minas.

O homem, que é vizinho da tutora da cadela, atingiu o animal com uma foice por ter se incomodado com os latidos enquanto passava pelo local. Segundo a PM, ele saiu andando do local depois de ferir a cachorrinha, chamada Safira.

A mulher contou à PM que estava em casa quando ouviu a cadela “gritar”. Ao sair, o animal teria ido em sua direção e caído no chão enquanto sangrava, já sem a pata traseira.

A tutora de Safira relatou aos militares que o vizinho tinha costume de jogar pedras na cadela, que ficava no quintal da casa. Outros moradores da região relataram que o autor maltratava outros animais na comunidade.

O homem foi encontrado pela polícia em uma rua próxima ao local do crime. Ele foi preso em flagrante por maus tratos à animais e não negou ter tentado ferir a cadela. Informações da PM apontam que o suspeito já possuía registros do mesmo crime em outra ocorrência.

A foice utilizada para decepar a pata de Safira foi encontrada no telhado da residência do homem e apreendida pela polícia. Ele foi encaminhado para a delegacia de Porteirinha.

O animal foi socorrido por uma testemunha e ficou sob os cuidados da ONG Proteção Animal de Porteirinha.

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido