Ouça a rádio

Compartilhe

Polícia prende casal que prometia vaga de babá e obrigava mineiras a se prostituir no Rio e em São Paulo

Quando descobriram o esquema, vítimas eram ameaças e extorquidas pela dupla

Investigação é feita pela Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher em Ibirité

Um casal suspeito de recrutar mulheres e adolescentes para atuarem como garotas de programa em boates de São Paulo e do Rio de Janeiro foi preso pela Polícia Civil de Minas Gerais durante operação denominada Fruto Proibido, realizada entre 25 e 27 deste mês. Conforme as investigações, coordenadas pela equipe da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher em Ibirité, na Grande BH, algumas vítimas eram atraídas com a promessa de vaga para babá.

Ameaças e extorsão

De acordo com as investigações, o casal seria responsável por recrutar mulheres e adolescentes para atuarem como garotas de programa em boates, nos estados de São Paulo e do Rio de Janeiro, com promessas de ganhos semanais em torno de R$ 2 mil. Ao descobrir o esquema, as vítimas tentavam abandonar o local, mas eram ameaçadas de morte, e ainda tinham bens patrimoniais extorquidos pelos suspeitos.

“Algumas das vítimas eram instigadas pelo casal a aceitar ficar dias fora de casa, longe das famílias, com o argumento de trabalharem como babá, ou ainda eram convidadas para conhecerem a praia, sob a promessa de um trabalho temporário. De acordo com o apurado, o recrutamento ocorria, principalmente, por mensagens em redes sociais. Quando a vítima era menor de idade, os suspeitos ofereciam documentação falsificada para simular a maioridade. As investigações prosseguem”, diz nota da Polícia Civil.

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido