Ouça a rádio

Compartilhe

Concurso do Hospital Universitário da USP é cancelado após irmãs passarem em 1º e 2º lugar

Jovens são sobrinhas de uma funcionária do Hospital Universitário, que negou qualquer tipo de favorecimento 

Prova contou com 7 mil participantes para 22 vagas

O concurso público para técnicos de enfermagem do Hospital Universitário foi anulado, nesta sexta-feira (22), pela Universidade de São Paulo (USP), após suspeita de favorecimento de candidatas. Por isso, uma nova prova será aplicada.

As candidatas que passaram em 1º e 2º lugar são sobrinhas de uma funcionária do hospital, que ajudou a elaborar a prova. Elas negam as acusações. Quase sete mil candidatos participaram do exame, composto por 40 questões de múltipla escolha. Apenas as jovens, acertaram todas as questões e obtiveram nota máxima.

O concurso, com 22 vagas, possui remuneração de R$ R$ 4.923,45, vale-alimentação de R$ 45 por dia e carga horária de 36 horas semanais. No dia 25 de junho, depois da divulgação do resultado, os próprios participantes ficaram desconfiados pelas primeiras colocadas possuírem o mesmo sobrenome. Na ocasião, eles decidiram acionar a ouvidoria da USP.

A Comissão de Apuração da instituição, que foi instaurada no dia 30 de junho, ainda não “há evidências concretas de vazamento do exame”. A funcionária do hospital disse que não participou do processo seletivo e que trabalha no local há 34 anos. “Quem está falando isso [do favorecimento], nem sei quem é, mas deve estar frustrado por não ter a mesma competência”, disse ao G1.

Nova prova

A data da nova prova ainda não foi definida, no entanto, ela será elaborada por uma banca composta por pessoas que não têm relação com o hospital para evitar qualquer tipo de favorecimento.

Resposta

"Em 28/06/2022 tivemos a notícia do possível vazamento do gabarito da prova elaborada no HU para seleção de Técnicos de Enfermagem.

Em 29/06/2022 foi constituída Comissão de Apuração Interna que chegou às seguintes conclusões:

1. Não foi possível identificar qualquer evidência de vazamento das questões ou do gabarito da prova;

2. Foi constatada falha na segurança do sigilo dos dados durante o processo de conferência do gabarito da prova, gerando potencial risco de vazamento, embora não haja evidência que isto tenha ocorrido;

3. Foi constatado conflito de interesses decorrente da participação no processo de conferência do gabarito de um funcionário aparentado com dois candidatos do concurso.

A Comissão de Apuração fez as seguintes sugestões acatadas pela Superintendência do Hospital Universitário:

1. Que a prova para Técnico de Enfermagem realizada em 12/06/2022 seja anulada;

2. Que uma nova banca elaboradora seja composta por membros externos ao HU, os quais devem formalizar a ausência de potenciais conflitos de interesses e o entendimento quanto às medidas de segurança e sigilo de dados durante o processo;

3. Que a nova prova seja aplicada oportunamente, com acesso apenas aos inscritos no Concurso do Edital HU nº 47/2022.

A Superintendência do HU está em tratativas com a FUVEST para aplicação de uma nova prova a ser elaborada por equipe externa ao Hospital Universitário, sob coordenação direta da FUVEST, cuja realização será divulgada em data oportuna".

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store