Ouça a rádio

Compartilhe

Embaixada pede desculpas para família de Dom Phillips por erro de informação 

Por meio de carta, embaixador Fred Arruda pediu desculpas por informação errada sobre a descoberta de dois corpos 

Equipes de buscas estão na região do Vale do Javari há mais de uma semana

A embaixada brasileira no Reino Unido pediu desculpas para a família de Dom Phillips por ter informado erroneamente que o corpo do jornalista britânico e do indigenista Bruno Pereira haviam sido encontrados. 

Na manhã de segunda-feira (13), um representante da embaixada brasileira no Reino Unido ligou para a irmã e para o cunhado de Dom informando que os dois corpos tinham sido encontrados amarrados em uma árvore. 

Os familiares divulgaram a informação sobre a descoberta dos corpos em entrevista para o jornal britânico The Guardian. 

Horas depois, ainda na segunda-feira (13), a Polícia Federal divulgou uma nota desmentindo a informação e dizendo que os corpos não tinham sido encontrados. Por meio de nota, a PF informou que foram encontrados materiais biológicos que estão sendo periciados e pertences pessoais dos desaparecidos. 

Nesta terça-feira (14), o embaixador Fred Arruda escreveu para os familiares de Phillips se retratando do erro. “Nós lamentamos profundamente que a embaixada passou ontem para a família informações que não se provaram corretas”, escreveu. O diplomata afirmou que houve desencontro de informações com agentes que atuam nas buscas na região do Vale do Javari. 

Desaparecimento 

Bruno Pereira e Dom Phillips foram vistos pela última vez no domingo, dia 5 de junho, ao chegarem a uma localidade chamada comunidade São Rafael. De lá, eles partiram rumo a Atalaia do Norte, viagem que dura aproximadamente duas horas, mas não chegaram ao destino.

No domingo (12), as equipes de busca encontraram um cartão de saúde e outros pertences de Bruno, além de uma mochila com roupas de Dom. 

Segundo as autoridades, o material estava próximo da casa de Amarildo Costa de Oliveira, conhecido como Pelado, suspeito de envolvimento no desaparecimento. Amarildo Oliveira nega envolvimento no crime.


Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido