Ouça a rádio

Compartilhe

Homem é morto pelo chefe dentro da empresa por tomar café fora do intervalo no RS

A vítima, de 36 anos, foi atingida duas vezes com objeto perfurante no peito; ele foi levado ao hospital mas não resistiu

Câmeras de segurança da empresa mostram a vítima saindo de uma sala após ser atingido

Um homem de 36 anos foi morto pelo próprio chefe durante o expediente em São Leopoldo, na Região Metropolitana de Porto Alegre (RS), na manhã desta segunda-feira (6). A Polícia Civil acredita que a motivação do crime seria uma discussão pelo horário de intervalo.

A entidade explicou que o suspeito determinou uma faixa de horário para o intervalo dos funcionários, mas a vítima teria ido ao local estipulado em outro momento, o que motivou o desentendimento.

Imagens do circuito de segurança da empresa mostraram o momento em que a vítima sai de uma sala com a mão no peito, logo após ser atingida duas vezes por um objeto perfurante, que ainda não foi identificado. O homem foi levado a um hospital na cidade, onde sofreu três paradas cardíacas antes de morrer.

O suspeito do crime teria fugido andando, e é considerado foragido. A polícia afirmou que ele tem registro de ocorrência por ameaça. Há relatos que funcionário e chefe já tinham discutido pelo mesmo motivo na semana anterior e no mesmo dia do crime, mas sem o comportamento violento apresentado no homicídio.

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido