Ouça a rádio

Compartilhe

Homem negro preso em SP por tráfico é solto por falta de provas após Justiça analisar vídeo da abordagem policial 

Guarda Civil Metropolitano aparece pressionando pescoço e colocando um pó branco perto do homem

Imagens registram o momento da abordagem policial em São Paulo

César Victor Batista, homem negro de 56 anos, recebeu liberdade provisória nessa terça (31), um dia depois de ser preso, após Defensoria de São Paulo pedir pela liberdade do preso alegando falta de provas. Imagens analisadas mostram um agente da Guarda Civil Metropolitana com joelho no pescoço da vítima e o outro saindo da viatura com um saco contendo crack, afirmando que é do suspeito.

Após a abordagem o homem foi levado à delegacia e o produto passou por perícia, constatando se tratar de crack. O caso ocorreu na tarde de segunda-feira (30) na Rua Ana Cintra, na Santa Cecília, Centro da capital. Dois movimentos sociais, a Pastoral do Povo da Rua e o Grupo Tortura Nunca Mais, compartilharam as imagens nas suas redes sociais.

A imobilização foi a mesma usada por um policial dos Estados Unidos que resultou na morte de George Floyd, em 2020. Em nota, a Corregedoria Geral da Guarda Civil Metropolitana diz que vai investigar a abordagem e afirmou que não compactua com desvios de conduta. Os agentes envolvidos na ocorrência relataram que faziam o patrulhamento quando identificaram um indivíduo que teria dispensado um pacote e fugido quando viu os guardas.

A defesa do homem diz que a droga foi “plantada” para incriminá-lo injustamente. A Polícia Civil investiga o caso.

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido