Ouça a rádio

Compartilhe

Rodrigo Caetano defende Hulk e pede bom senso na escolha de Daronco em jogos do Atlético

Jogadores do Galo reclamaram de dois pênaltis durante o empate com o São Paulo, pelo Campeonato Brasileiro

Rodrigo Caetano cobrou Wilson Luiz Seneme

Diretor de futebol do Atlético, Rodrigo Caetano concedeu entrevista após o empate em 0 a 0 com o São Paulo e foi enfático ao cobrar Wilson Luiz Seneme, chefe da Comissão de Arbitragem da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Durante o jogo, os jogadores do Galo pediram pênalti em duas oportunidades, interpretação diferente daquela que teve Anderson Daronco em campo e Adriano Milczvski no VAR. O dirigente do Galo cobrou explicação sobre as instruções recebidas pelos árbitros desde o início de abril, quando houve mudança no comando da comissão.

"O novo chefe da comissão de arbitragem (Wilson Seneme) não se manifestou desde que chegou até agora. Existe a regra e existe e instrução. A gente quer saber qual a instrução em casa um desses lances. No lance em que o Hulk, é no mínimo interpretativo. Ou seja, se é uma interpretação e demorou todo aquele tempo, nada mais justo que o VAR chamar o Daronco para ele ver", disse.

Na saída de campo, Hulk alegou que foi intimidado por Daronco, que teria dito para o atacante tomar cuidado com o que falaria com a imprensa após a partida. Caetano confirmou que confia na palavra do jogador e que haverá uma apuração sobre o caso.

"Sobre a declaração, é óbvio que dentro de campo muitas vezes se fala muito entre os atletas, com o árbitro. Mas nós vamos apurar. A gente estava conversando no vestiário com o próprio Hulk, com o presidente. A gente vai se reunir para ver qual é a medida necessária", disse.

"Sem dúvida nenhuma que o Hulk não diria para vocês algo que ele não ouviu. Todos nós conhecemos o Hulk. (...) Tomara que haja o bom senso da comissão de arbitragem e evite esse tipo de profissional aqui nos nossos jogos", completou.

Veja a entrevista completa no vídeo abaixo:

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store