Ouça a rádio

Compartilhe

Atlético teve aumento de 250% em receita, comparando dois últimos anos

Segundo levantamento, Galo saltou de R$ 124 mi para R$ 433 mi

Títulos conquistados em 2021 deram ao Atlético importante salto nas receitas

A inesquecível temporada 2021 fez com que o Atlético aumentasse sua receita em duas vezes e meia numa comparação com 2020, ano em que o futebol foi praticamente todo jogado com portões fechados, por causa da pandemia pelo novo coronavírus. Foi o maior crescimento do Brasil no período, provocado pelas premiações dos títulos do Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil e por ter chegado às semifinais da Libertadores. Este apontamento faz parte do relatório Convocados/XP, divulgado nesta terça-feira (14).

Em 2020, quando foi campeão mineiro e terceiro colocado no Brasileirão, numa temporada marcada pelo grande investimento na formação de um time forte, o Galo arrecadou R$ 124 milhões.

Na última temporada, foram levantados pelo Atlético R$ 433 milhões. Só de premiações nas três principais competições disputadas o clube superou toda a arrecadação de 2020.

A taça da Copa do Brasil significou R$ 71,15 milhões. Ir à semifinais da Libertadores fez o clube arrecadar R$ 40,9 milhões. O título do Brasileirão valeu R$ 33 milhões. Estes valores somados chegam a R$ 145,05 milhões.

As premiações representaram 33% de toda a receita do Galo na temporada 2021. Outro ponto importante foi a participação do torcedor, com o Manto da Massa, que garantiu uma arrecadação bruta de R$ 12 milhões, mais o programa de sócios, que está na casa das 130 mil adesões e as rendas de jogos, pois o Mineirão operou praticamente com a carga máxima em todas as partidas do time comandado por Cuca. Foram quase R$ 35 milhões líquidos só nos jogos.

Projeção

Apesar do grande crescimento, em evento recente promovido pela Rádio Itatiaia, o Go Up, Rafael Menin, um dos 4 R’s, grupo de apoiadores da diretoria alvinegra, afirmou que o clube tem potencial de alcançar uma receita anual de R$ 1 bilhão.

Esta análise leva em consideração não só a manutenção do ótimo rendimento esportivo, mas também a possibilidade de se lucrar com a Arena MRV, estádio que está sendo construído pelo clube e que será inaugurado no ano que vem.

A maior receita do futebol brasileiro em 2021 foi registrada pelo Flamengo, com R$ 803 milhões (veja abaixo a tabela com os números dos principais clubes do Brasil).

Receita dos principais clubes do Brasil em 2020 e 2021

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido