Ouça a rádio

Compartilhe

Mancini afirma que pagou rescisão ao América para comandar o Grêmio em 2021

Treinador não conseguiu evitar o rebaixamento da equipe gaúcha

Técnico está contente de retornar ao Coelho em 2022

Em participação no programa Bastidores na última quinta-feira (2), Vagner Mancini, técnico do América, afirmou que pagou um acordo de rescisão contratual para poder assumir o comando do Grêmio na reta final do Campeonato Brasileiro de 2021.

Mancini assumiu o time gaúcho em outubro, com o objetivo de tirar a equipe da zona de rebaixamento. “Se eu tomei a decisão certa ou errada ninguém pode saber. Nem eu mesmo sei até hoje, eu poderia ter ficado no América e alcançado a Libertadores, como eu poderia também ser mandado embora”, afirma.

O técnico conta que essa decisão foi muito difícil para ele, que levou cerca de 5 dias para chegar em uma conclusão, e pediu desculpas por ter magoado pessoas que se sentiram mal com a saída do Coelho.

Em fevereiro deste ano, Mancini foi demitido do Grêmio e retornou ao América em abril.

“Tive a oportunidade de retornar ao América e dar a este clube o que eu deixei de dar no final do ano. Estou muito convicto que tenho essa possibilidade e que a gente vai desenvolver um trabalho bacana e por um tempo longo”, completa.

O time comandado por Mancini ocupa, atualmente o 10º lugar na tabela, zona de classificação para a Copa Sul-Americana.

Confira a participação do técnico Vagner Mancini no Bastidores da última quinta feira (2):

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido