Ouça a rádio

Compartilhe

Tenista mineiro Bruno Soares integra investimento de R$ 12 milhões em empresa de cannabis 

Fundo de investimentos MadFish lidera rodada de captação na empresa pioneira em produtos à base de cannabis

Tenista Bruno Soares vai investir em empresa pioneira no mercado de cannabis

A Ease Labs, pioneira no mercado de produtos à base de cannabis sativa no Brasil, atraiu o fundo de investimentos MadFish, pertencente ao tenista mineiro Bruno Soares, que lidera a rodada com aporte de R$ 12 milhões na empresa. A captação, realizada com a assessoria da boutique mineira VS1 Capital, compõem parte do plano de expansão da companhia e serão aplicados, principalmente, no aumento de vendas, em ações voltadas para o esporte e na execução de ações estratégicas alinhadas aos objetivos de longo prazo da companhia.

Segundo o CEO da Ease Labs, Gustavo de Lima Palhares, a companhia está em ascensão exponencial e estuda ampliar a rodada de captações para um crescimento ainda mais agressivo. “Alguns investidores institucionais estão mostrando grande interesse, por isso estamos avaliando qual o momento certo de abrir uma nova rodada”, ressalta Palhares.

Para Bruno Soares, a Ease Labs, como pioneira e com bases sólidas em seu plano de negócios, tem potencial para se posicionar como uma empresa global voltada para produtos à base de cannabis e outras inovações no setor farmacêutico. “Estou muito feliz de fazer parte dessa jornada junto com os fundadores da empresa”, destaca.

A companhia conseguiu trazer um grupo seleto de investidores, que apoiam a empresa em diversos setores. Os novos investidores agora se juntam também aos fundos de Venture Capital BizHub e ALF, e a gestora Impacto Hub, na capitalização da empresa.

Integralmente certificada pela Anvisa, a Ease Labs está aumentando seu portfólio de produtos produzidos localmente, expandindo suas ações de vendas, e prepara o lançamento dos primeiros produtos fabricados na sua unidade de Belo Horizonte, para distribuição em grandes redes de farmácias capilarizadas em todo Brasil. A empresa pretende faturar 240 milhões nos próximos três anos, apenas com os produtos à base de cannabis, o que viabilizará a oferta de produtos a preços acessíveis e o desenvolvimento de portfólios mais diversificados, incluindo a possibilidade de exportação para outros mercados.

Atualmente, a empresa já atua na importação e distribuição dos produtos ELC 1000 Softgel, ELC 1500 CBD, ELC 3000 CBD e ELC 7200 CBD. Os planos da empresa preveem a fabricação nacional de produtos voltados à psiquiatria, neurologia e especialidades de dor crônica, bem como à medicina e saúde do esporte. A Ease Labs estima um potencial de mercado de 59 milhões de pessoas.

Leia Mais

ENTREVISTA EXCLUSIVA

Bolsonaro critica paridade de preços internacionais na Petrobras

INVESTIGAÇÃO

Contador ligado a Lula é suspeito de lavar R$ 16 milhões em loteria com PCC

Eleição 2022

Eduardo Leite anuncia que vai disputar o governo do Rio Grande do Sul pelo PSDB

Decreto

AGU poderá dar parecer sobre temas eleitorais no último ano do governo 

MINISTRO SOLTO

Bolsonaro minimiza prisão de Milton Ribeiro: 'não foi corrupção, foi tráfico de influência. É comum'

Acesso rápido