Ouvindo...

Times

Cientistas descobrem vulcões gelados em Marte: entenda importância do fenômeno

Pesquisa demonstra que ainda há um longo percurso para entender os processos que envolvem água no planeta vermelho

Que há água no planeta Marte, não é novidade para ninguém. Contudo, nesta segunda-feira (10) cientistas informaram que descobriram a existência cristais de água congelada no Equador de Marte. As moléculas congeladas estão localizadas em Tharsis, um planalto vulcânico, local que pesquisadores acreditavam ser impossível a formação de gelo.

Os estudos foram publicados pela revista Nature Geoscience e foram possíveis a partir de observações das sondas Exo Mars e Mars Express - da Agência Espacial Europeia (ESA). “Pensávamos ser impossível a formação disso ao redor do equador de Marte, pois a mistura de luz solar e atmosfera fina mantém as temperaturas relativamente altas tanto na superfície quanto no topo das montanhas”, explicou o pesquisador que fez a descoberta, Adomas Valantinas.

O fenômeno é como se fosse uma geada muito fina que acontece por algumas horas, no amanhecer da região. “Essa existência é empolgante e sugere que há processos excepcionais em ação que permitem a formação de geada”, pontuou Valantinas

Leia também

Conforme o coautor do estudo, Nicolas Thomas, da Universidade Berna, a geada só é possível porque os ventos com ar relativamente úmidos sobem pelas encostas das montanhas e chega a altitudes mais elevadas, com isso eles condensam e caem como gelo.

Agências internacionais têm se dedicado a pesquisa e ao entendimento sobre a água presente na superfície marciana, porque esse aspecto é importante para entender se há vida no planeta. Além disso, as organizações pretendem traçar de estratégias para a exploração humana em Marte, outro ponto no qual a água é crucial.


Participe dos canais da Itatiaia:

Ana Luisa Sales é jornalista formada pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Na Itatiaia desde 2022, já passou por empresas como ArcelorMittal e Record TV Minas. Atualmente, escreve para as editorias de cidades, saúde e entretenimento
Leia mais