Ouvindo...

Times

MG: cadeirante agride e usa termos homofóbicos contra técnico de enfermagem

Revoltado com a demora no atendimento, homem de 54 anos agrediu vítima com barra de ferro e disse que ‘nenhum viadinho iria atendê-lo’

Um técnico de enfermagem de 26 anos registrou um boletim de ocorrência contra um paciente que o teria agredido e usado termos homofóbicos contra ele enquanto esperava por atendimento no Hospital Misericórdia de Santos Dumont, na Zona da Mata Mineira. O jovem teria levado pancadas de barra de ferro do suspeito, que é cadeirante.

Segundo o boletim de ocorrência, a confusão aconteceu no fim da tarde de quarta-feira (12). O suspeito é um homem de 54 anos que ficou revoltado com a demora para ser atendido. O autor entrou na sala em que o técnico de enfermagem estava e começou a xingá-lo com palavras de baixo calão.

Leia também

O técnico de enfermagem alega ter pedido para o homem se acalmar, mas o suspeito continuou exaltado, chamou-o de ‘bichinha’ e disse que ‘nenhum viadinho iria atendê-lo’. Pouco depois, o suspeito teria pego uma barra de ferro da própria cadeira de rodas e dado golpes tanto no técnico de enfermagem quanto na porta de entrada do hospital, exigindo atendimento imediato por ser pessoa com deficiência.

O autor confessou ter xingado o técnico de enfermagem e acabou sendo preso em flagrante pelos crimes de injúria racial, ameaça e perturbação do trabalho. O hospital está prestando o auxílio necessário ao profissional.


Participe dos canais da Itatiaia:

Jornalista formado pela UFMG, com passagens pela Rádio UFMG Educativa, R7/Record e Portal Inset/Banco Inter. Colecionador de discos de vinil, apaixonado por livros e muito curioso.
Leia mais