Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Vídeo: presidente de Câmara em SP que chamou vereador de ‘autista e louco’ renuncia

Chico Carabina (PTB) usou fala capacitista como ofensa contra Chiquinho do Canjarana (PSB), vereador de Guaiçara (SP); político admite ter ‘perdido o controle’

O presidente da Câmara Municipal de Guaiçara (SP), Wellington Lousado Pereira, conhecido como Chico Carabina (PTB) protocolou a sua renúncia ao mandato de vereador na última quinta-feira (18), três dias após usar termos capacitistas contra o vereador Francisco Constábile Filho, conhecido como Chiquinho do Canjarana (PSB).

Os dois políticos discutiam durante a primeira sessão da semana quando, em determinado momento, Chico Carabina pediu para que o microfone de Chiquinho do Cajarana fosse cortado com a seguinte frase: ‘Por favor, corta o microfone do vereador autista. Autista, porque o senhor é um autista, o senhor é um louco para mim. Eu posso falar. Eu, como vereador’ (veja o momento do desentendimento no vídeo acima).

Leia também

Em entrevista à TV TEM, afiliada da Globo na região, Chico Carabina admitiu ter ‘perdido o controle’ e ‘cometido um erro que constrangeu a população’. Ele também argumentou que esse não é o seu posicionamento sobre o transtorno do espectro autista (TEA) e pediu desculpas às mães e parentes que se sentiram ofendidos.

Segundo a assessoria da Câmara de Guaiçara, a Justiça Eleitoral será comunicada e deverá indicar qual suplente irá assumir a cadeira vaga. A presidência da Casa deve ser exercida, de forma interina, por Victor Baptista Pereira Silva (PSB).


Participe dos canais da Itatiaia:

Jornalista formado pela UFMG, com passagens pela Rádio UFMG Educativa, R7/Record e Portal Inset/Banco Inter. Colecionador de discos de vinil, apaixonado por livros e muito curioso.
Leia mais