Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Cidade de SP tem queda recorde de homicídios e latrocínios, mas registra aumento de estupros

Secretaria de Segurança Pública divulgou nesta sexta (26) dados da criminalidade em 2023

No interior do Estado, os homicídios dolosos tiveram queda de 6,5% no ano passado

No interior do Estado, os homicídios dolosos tiveram queda de 6,5% no ano passado

Polícia Civil/Reprodução

A cidade de São Paulo registrou em 2023 os menores números de homicídios e latrocínios em 23 anos, desde que começou a série histórica, de acordo com dados divulgados nesta sexta-feira (26) pela Secretaria de Segurança Pública do Estado (SSP). Por outro lado, a capital paulista teve aumento dos casos estupro, que passaram de 3 mil ocorrências.

Em relação aos homicídios, foram 560 casos no ano passado, ante 481 em 2022. A redução foi de 14,1%. Com isso, a taxa de homicídios dolosos foi a menor desde 2001, com 4,01 casos para cada grupo de 100 mil habitantes.

A queda dos latrocínios, roubos seguidos de morte, foi ainda maior, com redução de 33,3%. Os números foram de 63 para 42 e se igualaram a 2007 como os menores da série histórica.

No interior do Estado, os homicídios dolosos tiveram queda de 6,5% no ano passado. Foram registrados 1.628 casos, 114 crimes a menos em comparação com 2022, quando 1.742 boletins de ocorrências foram registrados. Os latrocínios no interior terminaram o ano passado com 93 registros, contra 81 contabilizados em 2022.

Casos de estupro

Na capital paulista, os casos de estupro tiveram aumento de 14,1%, saindo de 2.662 em 2002 para 3.037 no ano passado. No interior do Estado, os casos passaram de 7.762 para 8.585 boletins de ocorrências registrados, aumento de 10,6%.

Já na Grande São Paulo, os crimes de estupro tiveram 66 notificações a mais em 2023, saindo de 2.816 para 2.882, aumento de 2,3%.

Para o governo, o aumento também está atrelado às campanhas de incentivo para que as mulheres denunciem os agressores. O crime tem alto índice de subnotificação, informou a secretaria.

Jornalista há 15 anos, com experiência em impresso, online, rádio, TV e assessoria de comunicação.
Leia mais