Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Chefe de quadrilha que aplicava golpe pelo WhatsApp é preso em operação

Ação foi deflagrada pelas polícias do Mato Grosso e de São Paulo

WhatsApp Image 2024-01-23 at 06.22.18.jpg

Policiais cumpriram cinco mandados de busca e apreensão e um de prisão

Polícia Civil/Divulgação

Um homem de 27 anos foi preso na manhã desta terça-feira (23) em uma operação das polícias Civil do Mato Grosso e de São Paulo contra uma quadrilha que aplicava golpes com falsos perfis no WhatsApp. O preso é apontado como chefe do grupo.

Ele foi preso em Várzea Grande, no Mato Grosso. Os policiais também cumpriram outros cinco mandados de busca e apreensão na mesma cidade, em Cuiabá e Jangada, todas no Estado do Centro-Oeste.

A investigação começou a partir de um golpe sofrido por uma idosa de 70 anos, que é moradora de São João da Boa Vista, no interior de São Paulo, em julho do ano passado.

Segundo a polícia, os criminosos usaram uma foto da filha dela em um perfil falso e conseguiram tirar mais de R$ 31 mil da idosa no pagamento de boletos e envios de Pix para diversas contas.

O golpista que se passou pela filha da vítima alegou que o celular havia caído na água, por isso estava com número de telefone novo, e que estava adquirindo um apartamento e não havia conseguido resgatar seu dinheiro no banco.

Após os pagamentos, a vítima conseguiu falar com a filha e percebeu que havia caído em um golpe. Ela procurou a polícia na sequência.

A polícia identificou que a maior parte dos pagamentos tinha sido feito para contas no Mato Grosso. Além do chefe da quadrilha, outras quatro pessoas são investigadas por terem recebido dinheiro nas movimentações ilícitas.

A Rádio de Minas. Tudo sobre o futebol mineiro, política, economia e informações de todo o Estado. A Itatiaia dá notícia de tudo.
Leia mais