Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Temporais no Estado de SP no fim de semana deixam 4 mortos e 500 desabrigados

Mortes aconteceram em Limeira, Sorocaba e Praia Grande

sorocaba1.jpg

Em Sorocaba, choveu 150 mm em 3 horas na madrugada de sábado (20)

PM/Reprodução

Os fortes temporais que atingiram o Estado de São Paulo no fim de semana deixaram quatro pessoas mortas e 500 desabrigados ou desalojados, de acordo com balanço da Defesa Civil. As mortes aconteceram em Limeira, Sorocaba e Praia Grande, entre a sexta-feira (19) e o domingo (21). Houve registro de quedas de mais de 180 árvores e 27 postes de energia.

Na capital paulista foram registrados diversos pontos de alagamentos e quedas de árvores. No sábado (20), foram 21 pontos de enchentes. No entanto, segundo a Defesa Civil, a situação é pior nas cidades do interior.

Em Sorocaba, na madrugada de sábado, foram registrados 150 mm de chuva no intervalo de 3 horas - mesma quantidade que estava prevista para todo o fim de semana na capital paulista.

Na cidade, que teve situação de calamidade decretada, o piso inferior do Hospital Gpaci, referência no tratamento de crianças com câncer, foi alagado e diversas alas foram atingidas.

Também em Sorocaba, uma mulher de 74 anos morreu depois de ficar presa dentro de um carro que foi arrastado pela enxurrada. O outro ocupante do veículo foi resgatado sem ferimentos.

Em Limeira, duas mulheres, uma de 70 anos e outra de 35 anos, que são mãe e filha, morreram após serem arrastadas pela enxurrada e ficarem presas embaixo de um veículo na noite de sexta-feira (19).

Na tarde de sábado, em Praia Grande, no litoral, uma mulher de 60 anos morreu e outras sete pessoas ficaram feridas após uma descarga elétrica atingir a orla da praia.

A cidade de Socorro, na região de Campinas, não teve registro de mortes, mas foi uma das mais afetedas pelas chuvas. O município está sendo atendido pelas equipes da Defesa Civil. A cidade iniciou a limpeza de vias e casas atingidas e recebeu ajuda humanitária aos necessitados - o que também ocorreu em Sorocaba.

Previsão do tempo

De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a maior parte das cidades de São Paulo não estão mais entre os locais com alerta para chuvas e ventos fortes nos próximos dias.

A capital paulista deve ficar com temperatura média de 19ºC nesta segunda-feira (22), que não tem previsão de chuva forte, conforme o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), da Prefeitura de São Paulo.

Segundo o órgão, a frente fria se afasta do litoral paulista, mas os ventos úmidos do oceano ainda causam nebulosidade e chuviscos, além de amenizar o calor dos últimos dias.

Na terça-feira (23), o tempo volta a ficar instável devido a propagação de áreas de instabilidade pelo Estado de São Paulo, o que deve provocar chuvas na forma de pancadas alternadas com períodos de melhoria no decorrer do dia.

Dessa forma, o céu permanece com muita nebulosidade e as temperaturas não sobem muito. Os termômetros devem variar entre mínimas de 18°C e máximas que não devem superar os 22°C, informou o CGE.

A Rádio de Minas. Tudo sobre o futebol mineiro, política, economia e informações de todo o Estado. A Itatiaia dá notícia de tudo.
Leia mais