Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Casal morto em SC teve briga horas antes de serem encontrados em apartamento

Após a briga, os dois subiram juntos para o apartamento e testemunhas ouviram os disparos logo depois

WhatsApp Image 2024-01-17 at 15.44.03.jpeg

Suspeita é de que jovem for morta pelo namorado

Reprodução/ Redes Sociais

Horas antes de serem encontrados mortos dentro de um apartamento em Santa Catarina, Eduarda Gorgik, de 25 anos, e Sergio Correa, de 59, foram vistos discutindo em um churrasco. A informação é do UOL.

Após a briga, os dois subiram juntos para o apartamento e testemunhas ouviram os disparos logo depois. O casal foi encontrado morto dentro do apartamento onde moravam, com marcas de tiros.

Cerca de 10 testemunhas foram ouvidas, e a polícia teve acesso às imagens de câmeras de segurança do prédio. Em depoimento à polícia pessoas próximas ao casal disseram que Sergio era ciumento e controlador e não deixava Eduarda sair de casa sem ele.

A Polícia Civil de Santa Catarina trabalha sob a hipótese de feminicídio seguido de suicídio. Ainda não se sabe a motivação do crime.

Leia Também

Relembre

Eduarda Gorgik e Sergio Correa foram encontrados mortos dentro do apartamento onde moravam por um funcionário de Correa. Ele teria tentado falar com o chefe, que não atendia as ligações e foi ao apartamento, quando encontrou os celulares dentro de um hidrante.

O funcionário, então, entrou no apartamento através do vizinho e encontrou os dois corpos, com marcas de tiros. A arma, supostamente utilizada no crime, estava na mão de Sérgio.

Vizinhos do casal relataram que não ouviram nenhum barulho de tiro ou de briga. Eles foram vistos pela última vez no sábado (13), em um churrasco no salão de festas do condomínio.

Participe do canal da Itatiaia no Whatsapp e receba as principais notícias do dia direto no seu celular. Clique aqui e se inscreva.

Jornalista formada pela PUC Minas. Mineira, apaixonada por esportes, música e entretenimento. Antes da Itatiaia, passou pelo portal R7, da Record.
Leia mais