Lucas Ragazzi

Coluna do Lucas Ragazzi

Veja todas as colunas

Reunião definiu CPI com Nikolas na relatoria, mas regra da Câmara impede que o vereador assuma

07/10/2021 às 02:53

A reunião de vereadores da Câmara Municipal de Belo Horizonte que alinhavou a composição da CPI do Nepotismo, na manhã da última quarta-feira (6), definiu que o vereador Nikolas Ferreira (PRTB) assumiria a relatoria do colegiado. Só que passou batido pelos parlamentares um detalhe importante: Nikolas, por ter sido o primeiro signatário pela abertura da CPI, não pode ser o relator. 

O vereador, que está em seu primeiro mandato na Casa, foi informado da impossibilidade somente no início da noite de quarta. Nesta quinta, em meio a outras divergências sobre a composição da CPI, como a coluna mostrou, também há uma articulação para que o pedido de criação seja refeito e Nikolas possa, de fato, assumir a relatoria. 

Na reunião de quarta, os vereadores também decidiram que o presidente da comissão será Ciro Pereira (PTB) – este, sim, pode assumir o posto sem problemas.

Até o momento, a CPI está instalada e tem sua primeira reunião a ser realizada nesta sexta-feira (8). A ideia da comissão é investigar supostos casos de nepotismo na Prefeitura de Belo Horizonte.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Entre as drogas estavam 307 quilos de maconha

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Negócio envolve R$ 7,5 bilhões e a aquisição de 386 unidades de varejo de autosserviço

    Acessar Link