Lucas Ragazzi

Coluna do Lucas Ragazzi

Veja todas as colunas

Política

Leilão para concessão do estádio Mineirinho fica sem interessados

Empresa vencedora teria o direito de fazer a gestão do Mineirinho por 35 anos

24/01/2022 às 01:15
Leilão para concessão do estádio Mineirinho fica sem interessados

O leilão para a concessão do estádio Mineirinho, em Belo Horizonte, não teve nenhuma proposta. Nesta segunda-feira (24), a B3 planejava uma análise dos envelopes com as propostas para arrematar o ginásio, mas não houve interessados. 

A empresa vencedora teria o direito de fazer a gestão do Mineirinho por 35 anos. Obrigatoriamente, neste contrato, um investimento de R$ 40 milhões para a reforma do ginásio teria que ser feito durante os primeiros dois anos de gestão. O edital da venda exige a utilização do ginásio para a prática esportiva e a preservação do nome original. 

A ideia do governo de Minas é fazer a concessão do Mineirinho no mesmo modelo em que fez a operação do aeroporto da Pampulha, em setembro do ano passado, para que empresas privadas possam tocar e explorar a atividade no estádio, sem custos ao Estado. 

Para o leilão, o lance mínimo estipulado pelo governo era de R$ 13 milhões, com garantia de proposta de R$ 1 milhão. Podem participar empresas nacionais e estrangeiras, individuais ou em consórcios.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou