Lucas Ragazzi

Coluna do Lucas Ragazzi

Veja todas as colunas

Política

Fux escala dois desembargadores do TJMG para compor Comitê de Integridade do Poder Judiciário

O TJ mineiro é a única Corte estadual com mais de um representante no órgão

27/01/2022 às 09:09
Fux escala dois desembargadores do TJMG para compor Comitê de Integridade do Poder Judiciário

Os desembargadores Henrique Abi-Ackel e José Arthur de Carvalho Pereira Filho, do Tribunal de Justiça de MG, foram designados pelo presidente do STF, ministro Luiz Fux, para compor o Comitê de Integridade do Poder Judiciário (CINT). O TJ mineiro é a única Corte estadual com mais de um representante no órgão. 

O Comitê foi criado no ano passado com a finalidade de assessorar o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) na implementação do sistema de integridade do Judiciário, que vai atuar na "implementação de uma cultura de integridade e a promoção de medidas e ações institucionais destinadas à prevenção, à detecção e à punição de fraudes e demais irregularidades, bem como à correção das falhas sistêmicas identificadas".

Criado a partir de um grupo de estudos sobre integridade nos tribunais, o CINT vai se reunir sempre que convocado pelo coordenador, Mauro Pereira Martins, conselheiro do CNJ. Os mandatos como membros do órgão são de dois anos, com prorrogação válida por uma vez. 

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou