Eduardo Costa

Coluna do Eduardo Costa

Veja todas as colunas

Mais Notícias

Um monstrinho corajoso

Um monstrinho corajoso

06/05/2013 às 02:13

Não é a toa que ele nasceu em Resplendor. E como brilhou em Belo Horizonte! Foi o responsável pelo lançamento de nossas maiores bandas, Skank e Jota Quest, promoveu shows inesquecíveis de Tim Maia e Cazuza e fez festas que ficaram na memória da cidade. Aos 42 anos ficou sabendo que era portador de Esclerose Lateral Amiotrófica, o que significava perder a força muscular aos poucos até morrer – em poucos anos. Ele enfrentou a “ELA” com uma coragem rara e nos proporcionou uma incrível história de superação, dessas que a gente só vê em filmes, como “O Escafandro e a Borboleta” e “Intocáveis”. Mesmo preso a uma máquina respiratória e a sondas para manter-se vivo, Fernando Monstrinho não abre espaço à autopiedade e continua promovendo eventos e difundindo ideias. Na sexta-feira da semana passada, esteve na Cidade do Galo, para assistir ao treino do Atlético, uma de suas grandes paixões. Aliás, ele faz questão de proclamar as coisas de que gosta: alongamento, massagem no pé, leitura, receber visitas, respeito, fisioterapia, ver jogo do Galo, assistir a documentários, política e dar presentes. E as coisas de que não gosta: “Pessoas falando igual criança comigo, falta de respeito; quando uma pessoa pega uma coisa minha sem pedir, frio, ficar sozinho, BBB e quando uma pessoa está discutindo comigo e não me deixa falar”. Foi com essa sinceridade toda e dando bronca, quando necessário, que ele escreveu um livro contanto a própria trajetória com ênfase, claro, para a descoberta de que era portador da ELA. As sobrinhas Isadora e Marcela são companhia diária e o processo de criação é complexo, considerando as limitações de expressão... Assim, as sobrinhas mostram as letras do alfabeto e ele pisca quando escolhe uma, até formar palavras, frases, capítulos e o livro “Hoje eu desafio o mundo sem sair da minha casa”. O sucesso foi tamanho que logo mais, a partir de 19 horas, na Livraria Mineiriana (Rua Paraíba, 1419, Savassi) haverá o lançamento da 3ª edição, com acréscimos importantes sobre as experiências com os profissionais de saúde; também uma edição em inglês e um “audiobook”. Ainda quero conhecer pessoalmente esse Monstrinho... É o tipo do cara que bate na cara da gente e, sem dizer nada, pergunta: Tá reclamando de quê?

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    No Dia Nacional da Visibilidade Trans, Letícia Imperatriz, mulher trans, diz que ainda há muito o que melhorar #itatiaia

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Município admite necessidade de aumentar número de leitos pediátricos #itatiaia

    Acessar Link