Eduardo Costa

Coluna do Eduardo Costa

Veja todas as colunas

Mais Notícias

Natal engarrafado!

Natal engarrafado!

06/05/2013 às 02:13

Hoje é sexta, último dia de novembro, já véspera de Natal. Não quero nem pensar no centro de Belo Horizonte às seis da tarde. Na verdade, prefiro não pensar também na situação das principais vias de Divinópolis, Pedro Leopoldo, Sete Lagoas, Montes Claros, enfim, de qualquer cidade, grande, média ou pequena desse país. Experimentem a pequena Igarapé, na região metropolitana, hoje as seis da tarde ou amanhã às 10 horas para ver se não há um movimento próprio dos ambientes insalubres. Aliás, Igarapé é um ótimo exemplo para as reflexões que quero convidá-lo a fazer, caro leitor. O prefeito de lá, Kalu, gente boa, tem um projeto de contorno da cidade e não o prioriza. Quando as duas mineradoras que estão devastando a serra e modificando todo o modo de vida do município, com um mundo de gente estranha e um movimento empoeirado inacreditável, ofereceram dinheiro, o prefeito repetiu o que todos fazem: gastou tudo asfaltando ruas e garantiu a reeleição. É sempre assim. Antes da análise sobre o que é mais importante, a médio e longo prazo, pesa o fato de que teremos eleições de dois em dois anos... Então, vence sempre a proposta que causa mais repercussão imediata, menos transtornos e pode garantir palanque. Eu não me conformo com essa história de BRT em Belo Horizonte, mas, torço, sinceramente, para que dê certo... Se fosse prefeito, no entanto, estaríamos gastando cada centavo em metrô, seja na ampliação do nosso, com ramais para Barreiro e Betim, seja com a construção dos subterrâneos, tanto no trecho Lagoinha-Savassi (e, depois, BH Shopping) como na extensão até a região hospitalar, a partir do braço que vem lá da região Oeste. Faria, assim, no mínimo uma cruz para a retirada do maior número de veículos das ruas e avenidas. O que está acontecendo é uma irresponsabilidade sem tamanho de nós todos: o governo federal continua reduzindo impostos para a compra de carros novos (que só é boa para as montadoras) e nada menos que 250 motos zero quilômetro passam a rodar todos os dias só na capital. O resultado é que ninguém mais anda e aumenta avassaladoramente o número de mortos e feridos, especialmente jovens na fase mais produtiva. É impressionante, mas a gente continua fugindo à responsabilidade de criar alternativas verdadeiras, viáveis, no transporte publico, mesmo sabendo que na noite de Natal poderemos não chegar em casa a tempo da ceia.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    🐔 Bilhetes contemplam os setores Amarelo Superior, Laranja Inferior e Laranja Superior: saiba como comprar #Itatiaia https://www.itatiaia.com.br/noticia/atletico-lanca-segu...

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    TIRO DE META, COM EMERSON PANCIERI - 27/01/2022

    Acessar Link