Eduardo Costa

Coluna do Eduardo Costa

Veja todas as colunas

Mais Notícias

Falta dinheiro ou gerência?

Falta dinheiro ou gerência?

20/05/2013 às 04:13

Vez por outra me pergunto se não sou conivente com propaganda enganosa dos governos. O problema é que a correria de repórter é tamanha que não consigo investigar ou, pelo menos, analisar números, fatos e discursos. Recentemente, apareceram algumas pulgas atrás de minha orelha em relação ao Governo de Minas. O primeiro choque foi saber que a Polícia Civil não estava conseguindo recolher os cadáveres. O segundo foi ouvir que haverá terceirização do serviço (será que teremos fiscalização a fim de garantir a lisura do processo, considerando a antiga fama dos papa-defuntos?) Agora, tomei outro choque com a decisão do juiz Guilherme Sadi que, na última sexta-feira, mandou soltar dois receptadores considerando que os esperou por três horas no fórum e veio a notícia de que não iriam, por falta de transporte... O problema se repete com frequência irritante, garante o magistrado, dizendo que além dos três mil processos a maior dificuldade na sua vara criminal é a falta dos réus, ora porque não houve transporte ora porque não havia escolta. Então, para não ser responsabilizado por excesso de prazo, decidiu por os réus na rua, o que, admite, é ruim para a sociedade. A Secretaria de Defesa Social admite, em nota, que o quadro exige respostas: “A Subsecretaria de Administração Prisional (Suapi) informa que tem ciência dos problemas com escoltas de presos ocorridos nos últimos meses e que, para solucionar a questão, comprou 26 novas viaturas cela, com capacidade de transporte para oito detentos cada. Os novos veículos já começaram a rodar. A expectativa é que o passivo de escoltas seja normalizado até o meio da próxima semana. Vale ressaltar que também estão em processo de compra 160 automóveis Pálio Adventure Locker, 50 vans modelo Jumper, 22 motocicletas de 250 cilindradas, e dez Pajeros Dakar, que reforçarão o trabalho de escolta da Suapi”. De duas uma: ou o governo anda mesmo sem dinheiro para suprir as necessidades mais básicas do custeio ou carece de gente capaz de dirigir, respeitar a logística, gerenciar as prioridades para evitar danos maiores. E repare que estávamos falando de segurança pública... Na educação e na saúde é melhor nem pensar.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Operações foram interrompidas devido às fortes chuvas que atingiram o Estado nas últimas semanas

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Órgão fiscaliza a conduta abusiva de farmácias e laboratórios que, pela disparada da procura, aumentaram de maneira exagerada os preços dos testes

    Acessar Link