Eduardo Costa

Coluna do Eduardo Costa

Veja todas as colunas

Mais Notícias

Defensoria do lugar certo

Defensoria do lugar certo

06/05/2013 às 02:13

Sem a merecida repercussão, segue adiante uma das mais interessantes iniciativas da Defensoria Pública de Minas: em conjunto com a Rede Favela, a instituição está deixando o gabinete e seguindo rumo às populações carentes: há um ano e meio atende em lugar fixo no Morro do Papagaio e agora faz visitas agendadas a outras vilas da cidade, levando a informação e o respeito a gente que precisa de fato e de direito. O projeto denominado “Casa da Cidadania” tem tudo a ver. Afinal, é dever da Defensoria prestar orientação jurídica e exercer a defesa dos necessitados em todos os graus, nas mais diversas áreas do direito, como por exemplo cível, família, criminal e do consumidor, entre outros, para os cidadãos que não têm condições de pagar os serviços prestados por advogados. E mais: é dever do defensor público  promover, de forma prioritária, a solução extrajudicial dos litígios, visando a composição entre as pessoas em conflito de interesses, por meio de mediação, conciliação, arbitragem e demais técnicas de composição e administração de conflitos. Ora, nada mais óbvio que a Defensoria buscar as vilas, os aglomerados, as favelas da cidade. Desde o começo do ano passado há uma “Casa da Cidadania” no Morro do Papagaio que já atendeu há mais de 1.500 pessoas. Agora, visitas programadas todo mês estão acontecendo às populações mais carentes. Em outubro, a escala prevê Aglomerado da Serra (sexta-feira,8), Sumaré (próxima sexta,15), Pedreira Prado Lopes (dia 22) e Morro das Pedras (dia 29). Sem dúvidas, é uma ótima iniciativa, que tende a tornar a Defensoria mais conhecida, respeitada e, quem sabe, fortalecida para ganhar mais recursos e apoio do Governo do Estado.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Goleiro do América poderá voltar a jogar 'com mesmo nível de excelência'

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Presidente da República admitiu impasses para seu projeto de reeleição em outubro

    Acessar Link