Edilene Lopes

Coluna da Edilene Lopes

Veja todas as colunas

Presidente do Senado quer trabalhar o orçamento para aumentar valor do Auxílio Brasil

09/08/2021 às 08:33

O principal assunto do dia e de parte da semana aqui em Brasília será a entrega da Medida Provisória que cria o Auxílio Brasil e da proposta de parcelamento dos precatórios, que são dívidas que a União tem com terceiros, e que foram confirmadas por ações na Justiça.

São assuntos diferentes, mas que estão extremamente relacionados. Isso porque o dinheiro do novo Bolsa Família, que é o Auxílio Brasil, virá desse projeto de precatórios. O governo é obrigado a pagar essas dívidas e tem um prazo pra isso, mas a proposta é pagar os precatórios de até R$ 65 mil de uma vez só e parcelar os que tem valores maiores, assim, sobrará recursos para aumentar o valor do Bolsa Família, que hoje é de cerca de R$ 190 e pode até dobrar de valor.

Dignidade para família mais pobres

Aqui, nos bastidores, a informação é que o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM), que na semana passada recebeu quatro ministros para tratar do assunto, inclusive Paulo Guedes, vai trabalhar muito dentro do orçamento para que o valor do Auxílio Brasil seja o maior possível, para atender às famílias mais pobres

Ainda neste semestre

Uma coisa é certa. O projeto vai ser aprovado e deve ocorrer de forma relativamente rápida. Em novembro, mais tardar em janeiro, deve começar o pagamento. Além de ser excelente para a imagem de Bolsonaro, quem conseguir aumentar o valor no parlamento também vai colher os louros.

Instagram: @reporteredilenelopes
Twitter: @reporteredilene

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou