Edilene Lopes

Coluna da Edilene Lopes

Veja todas as colunas

Fora da chapa de Zema, Bolsonaro poderia lançar candidato para ter palanque de senado em MG?

Marcelo Alvaro Antônio, candidato de Bolsonaro ao senado em Minas, desmentiu a informação . Segundo ele, "não houve uma sinalização de terceira via por parte do Presidente".

28/03/2022 às 03:01


A conversa de bastidores é que, caso o Jair Bolsonaro (PL) não consiga encaixar o deputado federal Marcelo Álvaro Antônio (PL) na chapa do governador Romeu Zema (Novo), o presidente poderia investir em uma candidatura ao governo que pudesse abrigar Marcelo Álvaro Antônio. Um nome cotado para ser o candidato a governador em Minas, na chapa apoiada pelo presidente, seria o do prefeito de Uberlândia, Odelmo Leão (PP). A base do presidente não confirma a informação.

Pesquisas internas

Pesquisas internas dos partidos mostram que os candidatos que terão mais chances de vencer para o senado serão os apoiados por Lula ou Bolsonaro, por isso a insistência dos presidenciáveis em ter seus candidatos à casa revisora do legislativo. 

Uma terceira candidatura apoiada por Bolsonaro garantiria palanque para o candidato ao senado e retiraria votos de Zema, contribuindo para levar a disputa para o segundo turno.  Essa possibilidade já teria sido apresentada para Zema em uma das investidas da base do presidente na tentativa de uma aliança para o senado. O senador Flávio Bolsonaro, filho do presidente, chegou a visitar Romeu Zema em fevereiro para tentar uma articulação, conforme adiantado pela coluna antes do encontro.

Interlocutores de Zema avaliam que essa alternativa não se viabilizará e que é apenas uma forma de “fazer pressão” para conseguir a aliança.  Algumas lideranças do PP, inclusive aqui em Brasilia, afirmam que, no Partido Progressista, Odelmo não teria espaço para candidatura ao governo.  Lembrando que o PP é o partido de Marcelo Aro, aliado de Zema e cotado tanto para a vaga do senado quanto para o cargo de vice-governador.  Procurado pela coluna, o  prefeito de Uberlandia, Odelmo Leão, que é próximo de Bolsonaro, não comentou o assunto. 

Desmentido

O deputado federal, Marcelo Alvaro Antônio (PL) desmentiu a possibilidade de uma terceira via em Minas apoiada por Bolsonaro. Leia a nota na íntegra:

"Sabemos da importância de se ter um palanque forte para o Presidente em Minas, e ele sabe da importância de minas na disputa, tanto que até falou do vice mineiro, e por isso ele está acompanhando de perto as articulações no estado. Até o momento não houve uma sinalização de terceira via por parte do Presidente. Seguimos conversando com os partidos aliados, com o governo de Minas, com as lideranças do PL e de outros partidos para encontrarmos o melhor caminho".

 

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou