Edilene Lopes

Coluna da Edilene Lopes

Veja todas as colunas

Política

Lira não quer parecer co-responsável pela perda da capacidade de compra do brasileiro

14/09/2021 às 10:52

Ao questionar a alta dos preços, dizendo que gasolina, diesel e gás de cozinha estão caros, o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP), deixa claro que pode até segurar os pedidos de impeachment contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), mas ele não quer parecer co-responsável pela crise econômica que está acabando com o poder de compra dos brasileiros.

Política de preços da Petrobrás

Atualmente, os preços dos combustives são determinados pela Petrobras de acordo com variações do dólar e do preço do barril de petróleo no mercado internacional. No governo da ex-presidente Dilma Rousseff, a variação era repassada de forma defasada, para tentar segurar a inflação, o que teria causado grandes prejuízos à empresa. O ex-presidente Michel Temer (MDB) e o atual, Bolsonaro, optaram por fazer diferente, mas alguém pagar a conta.

Sem mudanças à vista

O governo federal não planeja alterar a política e vai apostar na desvalorização do dólar em relação ao real, atraindo investimentos para o Brasil, trabalhando para o superávit da balança comercial (exportar mais que importar) e tentando controlar a crise política. Bolsonaro também defende o fim da cobrança de ICMS sobre os combustíveis, mas os governadores alegam que não podem ceder porque isso geraria grande queda na arrecadação dos estados.

Instagram: @reporteredilenelopes
Twitter:@reporteredilene

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Apresentação acontece neste sábado (29): confira os detalhes #Itatiaia https://www.itatiaia.com.br/noticia/fernanda-abreu-se-apresenta-em-belo-horizonte-com-show-que-comemor...

    Acessar Link