Edilene Lopes

Coluna da Edilene Lopes

Veja todas as colunas

Governo federal pode adiar para abril de 2022 o fim das atividades no aeroporto Carlos Prates, em BH

16/12/2021 às 01:37
Ouça na Íntegra
00:00 00:00
Governo federal pode adiar para abril de 2022 o fim das atividades no aeroporto Carlos Prates, em BH

No próximo dia 31 de dezembro, o Governo Federal vai encerrar as atividades no Aeroporto Carlos Prates, região Noroeste de Belo Horizonte. O local é o segundo polo formador de pilotos do País com cinco escolas de formação e 15 hangares. 

A destinação do aeroporto, rejeitado pela população por causa de acidentes nos últimos anos, está sendo debatida na comissão de trabalho e administração pública da Câmara dos deputados. Em participação remota, o vice-prefeito de Belo Horizonte, Fuad Noman (PSD), disse que a prefeitura está disposta a assumir o aeroporto, que não fará grandes empreendimentos imobiliários e quer a prorrogação do prazo de finalização da operação, que está marcada para o próximo dia 31. 

Segundo o Secretário nacional de aviação civil, Ronei Saggioro Glanzmann, o governo vai estudar a possibilidade de prorrogar a finalização das operações por mais quatro meses, isto é, até abril de 2022.

Resumo da opera

Pilotos querem continuidade da operação no aeroporto. O Governo Federal, que é o responsável pelo Carlos Partes, quer ceder o terreno para ser administrado pela empresa que assumir a privatização do metrô de BH. 

Já o Governo de Minas Gerais, afirma que se for estadualizado ele teria que conceder a iniciativa privada. 

E representantes da comunidade, como vereadora Duda Salabert (PDT) e o vereador Gilson Reis (PCdoB), querem que a área possa ser transformada em um local de preservação ambiental. E que não sejam construídos prédios, já que a região Noroeste é a que tem a menor cobertura de área verde em BH, além de ser a segunda com o maior número de moradores da capital. De acordo com Duda Salabert, se o aeroporto continuar haverá um levante popular.

 

Instagram: @reporteredilenelopes
Twitter:@reporteredilene

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Raposa já enfrentou o time sergipano em outras três oportunidades, nos anos 1970, e duas em 2005

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Enquanto o grupo ganha cerca de US$ 15 mil por minuto, mais de 163 milhões de pessoas estão na faixa da pobreza

    Acessar Link