Edilene Lopes

Coluna da Edilene Lopes

Veja todas as colunas

Governo de Minas pretende pagar atrasados da Saúde a partir de outubro de 2022

09/08/2021 às 05:28

O governo de Minas apresentou para os deputados e vai apresentar para os consórcios de saúde nas próximas semanas, a proposta de pagamento dos repasses atrasados da saúde para os municípios. Os valores estão atrasados desde o governo passado.

A ideia é começar a pagar em outubro de 2022, depois das eleições. A Associação Mineira de Municípios (AMM) e o Tribunal de Contas do Estado (TCE) calcularam um valor de cerca de R$ 7 bilhões. Dentro deste total, o governo questiona R$ 1,8 bilhão que seria de convênios que não foram executados porque as prefeituras não teriam cumprido os requisitos. De toda forma, o governo vai propor pagar o atrasado a partir do ano que vem e, a partir deste ano, pretende começar a executar 100% dos convênios no prazo devido. Normalmente, os governos executam 70% e o restante fica nos restos a pagar.

Capacidade de articulação

Segundo fontes do governo do estado, a proposta do Executivo é fazer o acordo com os convênios e sem protagonismo da AMM. De acordo com alguns integrantes da equipe do governador Romeu Zema (Novo), Julvan Lacerda, presidente da AMM, teria perdido a capacidade de articulação porque só pensa em eleições e está em campo político oposto ao de Zema.

Outro lado

Julvan Lacerda disse à coluna Em Cima do Fato que "não importa de quem será o protagonismo. O importante é que o Estado pague o que deve aos municípios. E vamos continuar lutando pra resolver esse problema". 

Instagram: @reporteredilenelopes
Twitter: @reporteredilene

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    O homem estava sem capacete e foi localizado com vários ferimentos na região da cabeça #itatiaia

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Ao todo, mais de 148 milhões de brasileiros já foram vacinados com a primeira e segunda vacina #itatiaia

    Acessar Link