Edilene Lopes

Coluna da Edilene Lopes

Veja todas as colunas

A luta pelo 'Mar de Minas'

17/09/2021 às 03:50

A crise hídrica afeta a todos nós, não apenas com a falta d’água, mas também com a alta no preço da energia que é produzida pelas hidrelétricas. Se todos nós mineiros e brasileiros sofremos duplamente com a crise, a região do Lago de Furnas, o “Mar de Minas” é triplamente penalizada. 

Região triplamente penalizada

Além da escassez hídrica e do aumento na conta de luz, moradores da região têm a economia duramente afetada porque milhares deles sobrevivem de atividades relacionadas ao lago, como o turismo e a pesca. Com a seca e a demanda maior pela geração de energia hidrelétrica, o sistema gerador retira uma quantidade maior de água do lago e os níveis podem ficar tão baixos a ponto de prejudicar a navegabilidade e demais atividades.

Constituição mineira foi alterada, mas união não aceitou

Pensando nesses momentos críticos, a Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) aprovou uma proposta de emenda à Constituição Mineira para estabelecer um nível água a ser mantido.

No entanto, segundo Alexandre Kalil (PSD), presidente da Frente Mineira de Prefeitos, o governo federal entrou na justiça, em função da necessidade de utilizar mais a represa de Furnas. “O governo federal tem que saber que isso aqui é uma posição da região e do povo de Minas Gerais” “e nosso mar não pode ter dono”. 

Reunião no STF

O presidente da Frente Mineira de Prefeitos, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Agostinho Patrus (PV) e o diretor jurídico do senado, Alexandre Silveira, vão se reunir na segunda-feira (20), às 17h, com a ministra do Supremo Tribunal Federal (STF), Carmem Lúcia, que é relatora do caso, para tratar da questão.

Hoje, eles estiveram em Alfenas, com o presidente da Associação dos Municípios do Lago, o presidente da Eletrobrás e o presidente de Furnas que, inclusive, deve agendar mais uma reunião, em Belo Horizonte, para debater o assunto.

Ganhando capital político

Ao abraçar a causa da região, o prefeito de Belo Horizonte, que é pretenso candidato ao governo do Estado, vai ganhando capital político junto às cidades do interior, o que deve ocorrer em outras regiões, já que ele é presidente da frente de prefeitos. 

Kalil de um lado, Zema do outro

Enquanto Kalil, Agostinho e Silveira estavam no sul de Minas, o governador Romeu Zema (Novo) e o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), estavam na região noroeste do Estado, na cidade de Arinos, anunciando o programa Pró-Aguas Urucuia, de revitalização das bacias hidrografias. 

Instagram: @reporteredilenelopes

Twitter:@reporteredilene

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Partida acontece nesta terça-feira (7), às 11h. No jogo de ida, times empataram por 0 a 0. #Itatiaia https://www.itatiaia.com.br/noticia/galo-x-bragantino-fazem-final-do-bras...

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Militares do Corpo de Bombeiros também atuam, nesta segunda-feira (6), para evitar reignição no Parque das Mangabeiras, em BH. #Itatiaia https://www.itatiaia.com.br/noticia/s...

    Acessar Link