Ouvindo...

Times

Faemg promove ‘Encontro das Líderes do Agro Mineiro’ nessa quinta-feira (20)

Discussões devem passar longe das questões de gênero. Objetivo é buscar uma maior conexão entre as mulheres e suas formas de atuar e influenciar pessoas no meio rural

A sede da Federação da Agricultura e Pecuária (Faemg), no bairro Floresta, em Belo Horizonte, se prepara para receber 200 lideranças femininas e autoridades do agro nessa quinta-feira (20) para o “Encontro das Líderes do Agro Mineiro” que terá palestras, troca de ideias e cases de sucesso.

A iniciativa é da Gerência da Mulher, do Jovem e de Inovação, um setor novo na instituição que é coordenado pela engenheira agrônoma Silvana Novais. Ela conta que a Faemg já realizou eventos semelhantes, em anos anteriores, ‘mas esse será maior e mais grandioso’.

Na pauta, não estarão eventuais preconceitos contra as mulheres no meio rural. Silvana conta que, em suas andanças pelo estado, percebeu que ‘há poucas feministas nesse universo’. “Elas parecem não se preocupar com essa questão, priorizando a união e o desenvolvimento da família. Não são de ficarem lamentando por serem mulheres porque o trabalho no campo urge e, afinal, preconceito também se combate com persistência e assertividade”, disse.

Do encontro vão participar representantes de todas as regiões do Estado e de todas as cadeias produtivas. A ideia é promover uma conexão entre elas e discutir o papel da liderança no meio onde atuam. “Quando nos reunimos para pensar o que queríamos discutir, tivemos a ideia de criar um eixo a cada novo encontro. E o tema escolhido para permear as conversas esse ano é “Liderança que educa”.

“Qual é o nosso papel como líderes na formação de outros líderes? Nos conteúdos do agro, equivocados e disseminados em escolas e livros didáticos? Muitas vezes, a gente tem a oportunidade de estar numa comissão, num comitê, mas não saímos da zona de conforto para levar nossa ideia. Porque não estamos ocupando nossos papeis de líderes de fato e mostrando as necessidades que o agro realmente tem”, reflete Silvana.

Uma das palestrantes será Raquel Soares, que é professora na Universidade Federal de Viçosa (UFV) e fundadora da startup WantU-Agro. Pesquisadora e coordenadora de projetos sobre Liderança e Inovação em Gestão de Pessoas e Gestão de Carreiras; Ana Nery, vice-presidente da ONG “De Olho no Material Escolar”, vem de Campo Grande (Mato Grosso do Sul) falar sobre o combate às fake News ligadas ao agro, especialmente as publicadas nos livros didáticos. O evento terá ainda falas da presidente da Comissão Faemg Mulher, Lilian Laughton; presidente da Comissão do Direito do Agronegócio da OAB/MG, Valéria Lemos e da presidente da Comissão Nacional das Mulheres da CNA, Stephany Ferreira.

“A participação feminina no agro cresceu muito nos últimos anos. Estamos num momento de aprimorar essas competências. Minha expectativa é que a gente saia do encontro com uma nova proposta de atuação conjunta por todo o Estado. Se tivermos mulheres com a mesma conexão, atuando no agro, conseguiremos fazer tudo o que nos propusermos”, disse a gerente de Inovação.

Leia também


Participe dos canais da Itatiaia:

Maria Teresa Leal é jornalista, pós-graduada em Gestão Estratégica da Comunicação pela PUC Minas. Trabalhou nos jornais ‘Hoje em Dia’ e ‘O Tempo’ e foi analista de comunicação na Federação da Agricultura e Pecuária de MG.



Leia mais