Auto Truck CPM Interno

Notícias

Secretário diz que governo deve colocar salários em dia e pagar 13º integral ainda neste ano 

Por Redação, 08/10/2019 às 10:03
atualizado em: 08/10/2019 às 10:10

Texto:

Ouça na Íntegra
00:00 00:00
Foto: Gil Leonardi/ Imprensa MG
Gil Leonardi/ Imprensa MG

O Secretario de Gestão e Planejamento de Minas, Otto Levy, disse que o governo pretende colocar o salário dos funcionários públicos em dia e acabar com o parcelamento do 13º já neste ano. O recurso viria da “antecipação dos recebíveis” da Companhia de Desenvolvimento de Minas Gerais (Codemig), operação que seria concretizada em novembro. 

Ouça com Edilene Lopes 

Segundo Otto Levy, é prevista uma arrecadação entre R$ 4 e 5 R$ bilhões. “Essa questão de antecipação de recebíveis não tem nada a ver com a venda. Isso é algo simular, como se fosse um desconto de duplicata. Isso não tem nada a ver com venda de ação de controle acionário, ou de parte das ações da Codemig”, diz. 

Apesar disso, o governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), disse na última semana que existe a possibilidade de o prazo para o recebimento da “antecipação de recebíveis” até março de 2020. “Todo empenho e esforço está sendo feito, mas quando se diz respeito à operação financeira, vai ser uma operação muito grande.”

Investimento

Ainda de acordo com Otto Levy,  o governo de Minas pretende investir R$ 150 bilhões em Minas. “Importante dizer que o que gera riqueza é a inciativa privada. Vamos buscar empregos e investidores para Minas”. 

O secretário também criticou a gestão Pimentel.  “Importante dizer que no mês de outubro vamos terminar o pagamento do 13º de 2018, antecipando em dois meses o pagamento que o governo passado não honrou. Só este ano, vamos trazer mais que o governo passado trouxe em quatro anos.”

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    'Eu estou levando minha revolta para um lado de injustiça, eu preciso de uma resposta. Eu guardei tudo no quarto do bebê. Essa dor parece que não vai passar', completa.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O caso foi revelado em primeira mão pela rádio Itatiaia e repercute nacionalmente.

    Acessar Link