351 Dias para Copa

Notícias

Os 17 detentos suspeitos de terem ordenado e participado do massacre ocorrido dentro do Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), em Manaus, na virada do ano, serão transferidos nesta quarta-feira, 11, para presídios federais

Destino não informado

Por Agência Estado , 11/01/2017 às 14:03
atualizado em: 11/01/2017 às 19:57

Texto:

Os 17 detentos suspeitos de terem ordenado e participado do massacre ocorrido dentro do Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), em Manaus, na virada do ano, serão transferidos nesta quarta-feira, 11, para presídios federais. A informação é da Secretaria de Administração Penitenciária do Amazonas (Seap).

De acordo com o titular da pasta, Pedro Florêncio, por serem apontados como chefes de facção, os presos estavam correndo risco dentro das cadeias do Amazonas.

Segundo a polícia, os detentos foram levados para o Batalhão de Choque, onde passarão por triagem. Depois, devem ser encaminhados para o Aeroporto Internacional Eduardo Gomes. A Seap não informou para qual presídio eles serão enviados.

Massacre

Um sangrento confronto entre facções no Complexo Penitenciário Anísio Jobim deixou 56 mortos entre a tarde de 1º de janeiro e a manhã do dia 2. A rebelião, que durou 17 horas, acabou com detentos esquartejados e decapitados no segundo maior massacre registrado em presídios no Brasil - em 1992, 111 morreram no Carandiru, em São Paulo.

Cinco dias depois, o PCC iniciou sua vingança e matou 31 detentos na Penitenciária Agrícola de Monte Cristo (PAMC), em Boa Vista, Roraima. A maioria das vítimas foi esquartejada, decapitada ou teve o coração arrancado, método usado pelo PCC em conflitos entre facções.

Escreva seu comentário

Preencha seus wdados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    STF retoma julgamento sobre validade de delações premiadas da JBS; assista ao vivo: https://t.co/WIDc26QlwS https://t.co/wN73KuO2yt

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Jogadores do @americamg vestiram a camisa da campanha contra o trabalho infantil. (Via @emersonromano) https://t.co/q9dxFsJVCk

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    "Imagine como está a continuidade das diversas investigações pelo País".Segundo Lima, na operação Lava Jato "a equipe da polícia foi significativamente reduzida". O procurador...

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    "Não cabe à Câmara dos Deputados impedir a admissibilidade (da denúncia). O PSDB precisa de uma atitude independente em relação ao governo Temer".

    Acessar Link