Notícias

Depois de informar que o resultado do exame de sangue dogerente de tecnologia da informação, Alysson Ribeiro de Miranda, apresentou resultado negativo para febre maculosa, a Prefeitura de Belo Horizonte informou que vai tirar as capivaras do Parque E

Febre maculosa

Por Editoria de web, 10/07/2016 às 01:15

Texto:

Ouça na Íntegra
00:00 00:00

Depois de informar que o resultado do exame de sangue do gerente de tecnologia da informação, Alysson Ribeiro de Miranda, apresentou resultado negativo para febre maculosa, a Prefeitura de Belo Horizonte anunciou que vai tirar as capivaras do Parque Ecológico da Pampulha. Alyson morreu na semana passada e a família suspeita de febre maculosa, após ele ter sido picado por carrapato-estrela, transmissor da doença, no parque.

Segundo a PBH, as capivaras, hospedeiras do carrapato-estrela, já causaram prejuízo de R$ 4 milhões aos cofres públicos. Os animais estão estragando os jardins do parque. Por isso, uma empresa será contratada para remanejar as capivaras que vivem no entorno da Lagoa da Pampulha.

“É um trabalho complexo. Nós acreditamos que prefeitura deve gastar entre R$ 300 e R$ 400 mil para poder custear essa empresa que irá participar do processo licitatório”, disse o vice-prefeito e secretário municipal de Belo Horizonte, Délio Malheiros.

Malheiros disse ainda que a retirada dos animais estava prevista e tranquiliza os frequentadores do local. “No caso das capivaras, quero deixar a população tranquila que não há confirmação de qualquer febre maculosa notificado aos órgãos próprios”, disse.

Ouça reportagem de Edilene Lopes


Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    ⚽️ Jogador afirmou não guardar mágoa do Cruzeiro e disse que tem amigos no clube celeste.

    Acessar Link