Notícias

Mano minimiza declaração antiga de Fred e destaca poder de decisão do novo reforço

Por Redação , 03/01/2018 às 18:39
atualizado em: 04/01/2018 às 07:31

Texto:

Ouça na Íntegra
00:00 00:00

Cristiane Mattos/Light Press/Cruzeiro

Na volta das férias do elenco do Cruzeiro, nesta quarta-feira, o técnico Mano Menezes concedeu a primeira entrevista coletiva de 2018. E uma pergunta não escapou de ser feita: sobre uma declaração antiga de Fred quando o treinador estava na Seleção Brasileira, mas não convocava o novo reforço celeste abrindo mão de um esquema sem camisa 9.

Mano minimizou a situação e chegou a brincar: “Não, acho que ele estava enganado”, disse o treinador celeste, que, em seguida, elogiou Fred ressaltando a importância do jogador para a disputa da Copa Libertadores.

“Eu gosto de jogadores da característica dele. Acho fundamental, por exemplo, para um tipo de disputa de torneio, como vamos jogar a Libertadores, você ter um centroavante de área, um centroavante que defina as jogadas. O Cruzeiro tem um time propício para o Fred, nós criamos muito durante a temporada passada e em determinado momento faltou esse jogador para finalizar bem essas jogadas”, completou Mano.

Em 2012, na época em que Mano era o técnico da Seleção Brasileira, o treinador chegou a preterir Fred, então centroavante do Fluminense, para montar um time sem um jogador de referência na área. Sem chances, o camisa 9 reclamou publicamente do comandante ao dar declarações de que não vislumbrava um retorno à seleção enquanto Mano estivesse no cargo e que ele não gostava de suas característica sendo um homem de área.

Para destacar a importância de Fred seis anos depois, Mano exaltou o poder de definição do jogador para o time que criou muito no ano passado, mas sofreu para finalizar as jogadas.

“O Fred tem uma característica muito marcante de um atacante de área e é um dos maiores definidores do futebol brasileiro. Nas últimas temporadas, fez em média 30 gols. Para nos tornar uma equipe de ponta na temporada, temos que marcar de 80 a 100 gols. Alguém vai ter que fazer esses gols, e aí a gente pega a escalação e começa a separar: 30 para esse, cinco para aquele, mas, às vezes, não chega nos 80. Então, temos que encontrar jogadores que façam esses gols e o Fred é um desses. Entendo a repercussão maior pela rivalidade, mas fico muito feliz por o Fred estar com a gente”, observou.

O técnico do Cruzeiro destacou ainda a postura de Fred, pelo fato de ele se posicionar diante de situações como esta de 2012, mas sem deixar de cutucar a imprensa, afirmando que a ‘briga não existe’.

“Vocês sabem que vocês (imprensa) fazem algumas brigas que não existem, e essa é mais uma do futebol que não existe. O Fred é um jogador de opinião. E o que fez certamente dele um grande jogador brasileiro na função, na posição. Às vezes a opinião não agrada todo mundo, a minha também não agrada todo mundo quando a gente expõe externamente. Mas eu prefiro jogador de opinião, eu prefiro o Fred do jeito que ele é, e ele vai ser importante exatamente porque ele é esse cara”, finalizou Mano Menezes.

Escreva seu comentário

Preencha seus wdados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    O @Cruzeiro negocia com o atacante Nael, do Nova Iguaçu, para o time Sub-20. Jogador tem 18 anos e atuou contra equ… https://t.co/Esd8vBkCqj

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Edilson fará a estreia pelo Cruzeiro nesta quarta-feira contra o Uberlândia, no Mineirão: https://t.co/CmRYZXTiZ8 https://t.co/ygAq6VXC7w

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    A Defesa Civil alerta para possibilidade de chuva, de 20 a 40 milímetros, em Belo Horizonte, a partir da tarde. O aviso é válido até as 8h de amanhã.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Acidente com carreta no Anel Rodoviário causa problemas no trânsito em Belo Horizonte🚁📻

    Acessar Link