Auto Truck CPM Interno

Notícias

Após derrota para o Inter, Mano Menezes anuncia que não é mais o técnico do Cruzeiro

Por Fábio Rocha, 08/08/2019 às 00:15
atualizado em: 08/08/2019 às 10:49

Texto:

Foto: Vinnícius Silva/Cruzeiro
Vinnícius Silva/Cruzeiro

Mano Menezes não é mais o técnico do Cruzeiro. O anúncio foi feito pelo próprio treinador no fim da noite desta quarta-feira em entrevista coletiva no Mineirão, ao lado do gerente de futebol, Marcone Barbosa, e do diretor de futebol, Marcelo Djian, após a derrota por 1 a 0 para o Internacional, pelo duelo de ida das semifinais da Copa do Brasil. Em crise, o time celeste não vence e não marca gol há oito jogos. Nas últimas 18 partidas, a equipe conquistou apenas uma vitória.

“Gostaria juntamente com Marcone e Marcelo comunicar oficialmente que a gente interrompe o trabalho à frente do Cruzeiro nesta noite porque a gente entendeu que este era o momento de fazer isso. Não poderíamos estender mais essa fase difícil, muito mais do que uma fase difícil que o Cruzeiro vem atravessando. São 18 jogos e uma vitória. No futebol isso não se sustenta", declarou o treinador. De acordo com Marcelo Djian, a decisão pela saída de Mano foi tomada em conjunto com a diretoria.

Ouça a íntegra da entrevista de despedida de Mano

Devido à má fase do time, parte da torcida perdeu a paciência e vaiou o treinador durante a partida contra o Inter nesta quarta-feira. Nos minutos finais do jogo, quando os torcedores xingavam, Mano se virou para as arquibancadas e mostrou o polegar fazendo o sinal de ‘joia’. Eliminado nas oitavas de final da Libertadores, o time está na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, em 18º lugar, com dez pontos.

No cargo há três anos e 12 dias, Mano era o técnico mais longevo da Série A do Campeonato Brasileiro. No clube, o treinador conquistou quatro títulos: duas Copas do Brasil (2017 e 2018) e dois Campeonatos Mineiros (2018 e 2019).

Somando as duas passagens pelo Cruzeiro – a primeira foi em 2015 –, Mano Menezes ficou à frente da equipe em 235 jogos. Foram 112 vitórias, 69 empates e 54 derrotas (aproveitamento de 57,4%).

Ainda não há um nome para substituir Mano Menezes. Na partida contra o Avaí, no próximo domingo, às 16h, na Ressacada, pelo Campeonato Brasileiro, o Cruzeiro será comandado por um técnico interino a ser definido pela diretoria. “Não estávamos pensando em acabar agora, mas é lógico que será um treinador interino. Não sei se será um auxiliar ou o treinador do sub-20 que dirigirá o time em Santa Catarina”, disse Marcelo Djian.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    'Eu estou levando minha revolta para um lado de injustiça, eu preciso de uma resposta. Eu guardei tudo no quarto do bebê. Essa dor parece que não vai passar', completa.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O caso foi revelado em primeira mão pela rádio Itatiaia e repercute nacionalmente.

    Acessar Link