Notícias

Fernando Pimentel vira réu por acusação de comando de esquema de caixa dois

Por Agência Estado, 17/04/2019 às 20:45
atualizado em: 18/04/2019 às 07:53

Texto:

Foto: Arquivo/Agência Brasil
Arquivo/Agência Brasil

O ex-governador de Minas Gerais Fernando Pimentel (PT) virou réu pela terceira vez na Justiça Eleitoral em menos de 20 dias. Na nova ação, Pimentel é acusado de comandar um esquema de caixa 2 para financiar sua candidatura a governador em 2014.

A juíza Luzia Divina de Paula Peixoto, da 32ª Zona Eleitoral de Belo Horizonte, aceitou denúncia que aponta o uso de notas fiscais falsas para justificar a doação de valores que ultrapassam R$ 3 milhões. Em sua sentença, a juíza afirma que, além de delações premiadas, a denúncia está pautada em "prova documental, como notas fiscais, planilhas, documentos eletrônicos".

As duas outras denúncias foram aceitas pela mesma juíza. Na primeira, com data de 27 de março, Pimentel é investigado por suspeitas de ter se aproveitado do cargo de ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio, posto que ocupou durante o governo Dilma Rousseff (PT), para receber recursos para a campanha de 2014. Na segunda denúncia, aceita pela magistrada também em abril, Pimentel teria recebido R$ 1,5 milhão e não declarado o valor à Justiça Eleitoral na campanha que perdeu para o Senado em 2010.

O advogado do ex-governador, Eugênio Pacelli, afirmou que só se pronunciará nos processos. Pimentel foi governador de Minas Gerais entre 2015 e 2018. O petista tentou a reeleição, mas não chegou a ir ao segundo turno. Minas é governada hoje por Romeu Zema (Novo).

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Bolsonaro provoca presidente da OAB: 'Posso contar como o pai dele desapareceu' https://t.co/VL1QAuI1sI https://t.co/uO2itrIBJh

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    'Eu estou levando minha revolta para um lado de injustiça, eu preciso de uma resposta. Eu guardei tudo no quarto do bebê. Essa dor parece que não vai passar', completa.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O caso foi revelado em primeira mão pela rádio Itatiaia e repercute nacionalmente.

    Acessar Link