Notícias

Moradores reclamam da falta de planejamento da Copasa e contam que passaram a acordar de madrugada (horário que água chega) para fazer as tarefas domésticas e armazenar água para o restante do dia.

Ouça

Por Editoria de web, 10/08/2016 às 01:19

Texto:

Ouça na Íntegra
00:00 00:00

A constante falta de água em bairros de Belo Horizonte e da Região Metropolitana leva a população a desconfiar que existe racionamento na capital. Na região Norte de BH, moradores reclamam da falta de planejamento da Copasa e contam que passaram a acordar de madrugada (horário que água chega) para fazer as tarefas domésticas e armazenar água para o restante do dia.

“Todo dia falta água, que só chega na madrugada. A gente tem que acordar para poder armazenar água e poder usar no outro dia. Se a Copasa não tem planejamento, não pode empurrar racionamento na gente na marra. Tem de ser feito de acordo, não de qualquer maneira”, relatou o
Anderson Antônio, morador do Bairro Jaqueline.

Além da Região Norte, a reportagem da Itatiaia também passou pelos bairros Santa Cruz, Cachoeirinha e Floresta e constatou que as reclamações são as mesmas: ou não tem água ou ela chega sem pressão e com excesso de cloro. A situação também é comum em alguns bairros de Vespasiano, na Grande BH.

Em nota, a Copasa nega o desabastecimento, mas admite que houve uma redução do fornecimento de água devido a vândalos que furtaram cabos de alta tensão na área externa do sistema de produção de água, na semana passada.


Ouça a matéria completa com Aline Neves

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    'Eu estou levando minha revolta para um lado de injustiça, eu preciso de uma resposta. Eu guardei tudo no quarto do bebê. Essa dor parece que não vai passar', completa.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O caso foi revelado em primeira mão pela rádio Itatiaia e repercute nacionalmente.

    Acessar Link