System.Collections.Generic.List`1[Site.ViewModels.BannerTopoViewModel]

Notícias

Adolescente de 12 anos muda versão e confessa ter matado garota de 16 em Tiradentes

Por Redação , 16/07/2017 às 08:47
atualizado em: 16/07/2017 às 08:59

Texto:

Ouça na Íntegra
00:00 00:00
Foto: Ouça acima mais informações com a repórter Amanda Antunes.
Ouça acima mais informações com a repórter Amanda Antunes.

O assassinato da estudante Gisele Campos, de 16 anos, sofreu uma reviravolta nesse sábado. Em entrevista à Rádio Vertente, de São João del-Rei, o juiz Ernane Barbosa disse que um adolescente de 12 anos confessou ter matado a jovem, no último dia 03 de julho, em Tiradentes, no Campo das Vertentes. 

Até então, o principal suspeito do crime era Abrahão do Carmo Prada, de 26, que havia sido preso no dia 07. Com a nova informação, o rapaz foi solto.

Gisele foi estrangulada com uma corda. Ela teria sido rendida pelo assassino quando voltava da escola. O adolescente contou à polícia que teria cometido o crime porque a jovem não queria um relacionamento amoroso com ele. 

Na primeira versão do caso, o próprio menor de idade disse que Abrahão teria matado Gisele por não ter seu amor correspondido.

Apesar da reviravolta, o magistrado explicou que as investigações vão continuar até que o crime seja completamente esclarecido. 

Escreva seu comentário

Preencha seus wdados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Raquel Dodge não quer mais receber auxílio-moradia; benefício é de R$ 4,3 mil mensais: https://t.co/rxjlnVj3XA https://t.co/sP9N1KY2fg

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    'Há dificuldades, mas dificuldades são herdadas e estamos combatendo', diz Temer: https://t.co/UbBz8jeswI https://t.co/mFFGmvZQJF

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Benefício de R$ 4,3 mensais é pago a mais de 17 mil magistrados e quase 13 mil procuradores do Ministério Público Federal.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Maia estaria receoso de os deputados aprovarem a criação de um fundo público para bancar as campanhas enquanto o Senado discute uma PEC para ressuscitar o financiamento privado.

    Acessar Link