Notícias

Detran define data para começar a fiscalizar veículos em Minas; confira as principais dúvidas 

Por Redação , 03/06/2019 às 08:39
atualizado em: 03/06/2019 às 08:55

Texto:

Foto: Gil Leonardi/ Imprensa MG
Gil Leonardi/ Imprensa MG

Quase 5 milhões de veículos em Minas Gerais não foram regularizados junto ao Departamento de Trânsito de Minas Gerais (Detran). A partir de agosto, as polícias vão fazer a cobrança do documento para veículos com placas com final 1 até 5. Essa exigência passa a valer em 1º de setembro para veículos com placas entre 6 e 0.

Delegado titular da divisão de registro de veículos do Detran, Rafael Alexandre de Faria responde às principais dúvidas dos motoristas. Confira: 

Quem já está regularizado e com tudo em dia deve esperar o documento chega em casa? 

Sim. Se a pessoa já tá com todos os débitos quitados, IPVA, licenciamento e seguro obrigatório e não há nenhuma multa pendente nenhum impedimento, ela pode ficar tranquila que vai receber esse documento em casa, pelos Correios. É importante que ela mantenha o endereço atualizado no cadastro do Detran, para que o documento chegue corretamente. 

Caso o endereço esteja errado, o documento vai retornar para a Unidade de Atendimento Integrado (UAI). E aí a pessoa vai ter que se dirigir até um posto de atendimento para poder fazer a retirada do documento.

Quais são as principais pendências dos veículos não regularizados? 

As principais pendências são o débito de taxa de licenciamento, os débitos de seguro obrigatório, IPVA e multas pendentes sobre veículos. A grande maioria dos veículos que não foram licenciados é por causa de débitos a cargo do próprio proprietário. 

Se houver alguma multa devida, o veículo fica irregular?

Se tiver uma multa já exigível, pendente de pagamento, o veículo não pode ser licenciado, conforme determina o código de trânsito. 

A documentação 2019 começa a ser cobrada a partir de 1º de agosto (finais de placa 1 e 5 e 1º de setembro de 6 a 0). Quais sanções para quem rodar com o veículo irregular? 

Todo veículo automotor, para transitar em via pública, precisa estar devidamente licenciado. Caso a pessoa seja surpreendida, circulando após essa data, com veículo sem licenciamento, está sujeita a infração gravíssima, 7 pontos na carteira, medida administrativa de remoção do veículo, além da multa de R$ 293,47.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    'Eu estou levando minha revolta para um lado de injustiça, eu preciso de uma resposta. Eu guardei tudo no quarto do bebê. Essa dor parece que não vai passar', completa.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O caso foi revelado em primeira mão pela rádio Itatiaia e repercute nacionalmente.

    Acessar Link