Unimed - Fevereiro - Internas - Maxiboard

Notícias

Contato com lagarta pode causar complicações graves à saúde

Por Jacqueline Moura/Itatiaia, 01/02/2019 às 17:40
atualizado em: 01/02/2019 às 17:45

Texto:

Foto: Roberto Moraes/ Instituto Butantan
Roberto Moraes/ Instituto Butantan

Lagarta de monte, carneirinho ou taturana são nomes populares dados a lonômia, uma lagarta que libera uma toxina que impede a coagulação do sangue e pode causar complicações graves. Em 2017, 1.107 pessoas deram entrada em hospitais de Minas Gerais após contato com lagartas, desses, 132 casos foram por contato com a lonômia. 

“Na maioria dos casos de pessoas que tiveram contato com lagartas, o quadro é de dor local. Já em contato com a lonômia, além da dor local, o sangue fica incoagulável e a pessoa começa a sagrar pela urina ou fezes. Os rins e o fígado também podem ser comprometidos, causando até insuficiência renal”, alerta Adebal Andrade Filho, coordenador do serviço de Toxologia do Hospital de Pronto Socorro João XXIII, na região centro-sul de Belo Horizonte. 

O médico destaca que a lagarta é um animal que vive em árvores frutíferas, tem o costume de andar agrupados e pode medir até sete centímetros de cumprimento. “A lagarta tem cerdas que parecem pinheirinho de natal de cor esverdeada, havendo o acidente deve-se fotografar o animal ou capturá-lo e levá-lo ao hospital junto com a pessoa”, ressalta. 

É de extrema importância que, em contato com essa lagarta lonômia, a pessoa procure um Pronto Socorro o mais rápido possível. O tempo indicado para administração do soro para combater o veneno do animal é de seis horas. A aplicação pode ser feita depois, mas quanto mais se distancia do prazo ideal, menor a eficácia no tratamento. 

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    A Itatiaia está em Itatiaiuçu e acompanha a vida dos moradores, que estão em hotéis há 10 dias.… https://t.co/d6Kh75a2o8

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Vidas suspensas: Itatiaia mostra o caos em Macacos, Barão de Cocais, Itatiaiuçu e Brumadinho -Clique e ouça👂🏾 - https://bit.ly/2Iv0AVQ

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O médico Marcelo Salim dá uma boa ideia de como ajudar Mariana, Ouro Preto e Brumadinho de uma só vez criando opções turísticas onde hoje há apenas lama e desalento.

    Acessar Link