Notícias

Comerciantes de BH são notificados por suspeita de abuso nos preços do álcool em gel e máscaras

Por Redação, 26/03/2020 às 12:45
atualizado em: 26/03/2020 às 13:02

Texto:

Ouça na Íntegra
00:00 00:00

Uma operação do Procon do Ministério Público de Minas Gerais nesta semana notificou comerciantes e empresários de Belo Horizonte por suspeita de abuso nos preços do álcool em gel e máscaras. 

De acordo com a promotora Vanessa Fusco, 17 estabelecimentos terão que se explicar e, se comprovados os aumentos abusivos, serão punidos. 

“Eles foram notificados a prestar depoimento, bem como apresentar as notas ficais de compra e venda das mercadorias. Será feita a análise do valor da compra de cada produto com o preço que estava sendo comercializado nas prateleiras, antes e após o anúncio da pandemia da Covid-19”.

Se for verificada alguma irregularidade ou abuso, os representantes podem responder administrativamente e criminalmente por crime contra economia popular.

“É importante ressaltar que o Ministério Público mantém um canal aberto ao consumidor por meio do site procon.mpmg.mp.br e que o grupo de trabalho especialmente criado para observar e receber essas reclamações de preços abusivos está atento e fará ações pontuais sempre que houver necessidade e houver abuso com relação às relações de consumo”, destaca a promotora.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    ⚽️ Jogador afirmou não guardar mágoa do Cruzeiro e disse que tem amigos no clube celeste.

    Acessar Link