PMC - Maxi 970 x 150

Notícias

Clubes cariocas ameaçam ir ao STJD para liberar jogadores convocados pela seleção

Por Agência Estado, 26/09/2019 às 13:33
atualizado em: 26/09/2019 às 13:58

Texto:

Foto: Pedro Martins/MoWA Press
Pedro Martins/MoWA Press

Flamengo, Vasco e Fluminense não gostaram de ver seus jogadores na lista de convocados das seleções brasileiras – principal, sub-23 e sub-17 – e podem recorrer à Justiça esportiva para conseguir a dispensa dos atletas. O trio é uma exceção aos demais clubes, que informaram ao jornal O Estado de São Paulo que não pedirão a desconvocação de seus jogadores.

O Flamengo avisou que não vai ceder o meia Reinier para o Mundial Sub-17, que acontecerá no Brasil de 26 de outubro a 17 de novembro. O clube pedirá a liberação à CBF e. caso não consiga amigavelmente. promete ir ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). O Vasco também buscará liminar judicial para liberar Talles Magno do Mundial. O Flu pedirá à CBF a liberação do lateral-esquerdo Caio Henrique e do volante Allan, chamados para amistosos do time sub-23.

"A gente perde o Gabriel, o Rodrigo Caio, e tem a situação do Reinier. A seleção principal é data Fifa, o que nos impossibilita de tomar uma atitude. Mas na (seleção) que a gente entende que existe uma possibilidade de questionamento (a sub-17), o Flamengo fará. O clube não quer liberar o Reinier. Todos foram avisados, inclusive o atleta", afirmou nesta semana Marcos Braz, vice-presidente de futebol do Flamengo.

Apesar de ser reserva, o clube entende que deve pedir a desconvocação, pois já se sentiu prejudicado por ter Gabriel e Rodrigo Caio na lista de Tite – os dois devem desfalcar o Flamengo em dois jogos do Brasileirão: contra o Atlético, em 10 de outubro, em casa, pela 24ª rodada, e contra o Athletico-PR, no dia 13, pela 25ª, fora.

O caso do Vasco é ainda mais prejudicial, pois Talles é um dos principais jogadores do elenco. "Vamos perder um jogador importante por até dez jogos. O clube forma, paga salário, isso, aquilo, e falta à CBF entender a necessidade. Estamos numa posição de buscar manter o time na primeira divisão e eles estão radicais. Não liberaram", reclamou o técnico Vanderlei Luxemburgo.

No Fluminense, Allan e Caio Henrique foram convocados pelo técnico André Jardine, para os amistosos da seleção sub-23, contra Venezuela e Japão, em Recife, nos dias 10 e 14 de outubro Os dois se apresentam no dia 7 e ficam até o dia 15. Com isso, podem desfalcar o clube em três jogos: Cruzeiro (dia 8), Bahia (12) e possivelmente Athletico-PR (15).

"Como se trata de partidas amistosas e levando em consideração a situação que o Fluminense se encontra, era preciso ser mais bem avaliada [a convocação dos dois atletas]. São dois jogadores insubstituíveis para nós. Aliás, eu tinha planos de um substituir o outro se fosse o caso. Perderão dois jogos muito importantes para jogar amistosos", disse o técnico Oswaldo de Oliveira.

Na entrevista coletiva logo após a convocação, o coordenador de seleções da CBF, Branco, informou que os jogadores sub-17 não serão liberados da equipe. "Eles vão se apresentar no dia 7 junto com todo o grupo. Não seria justo com o restante do grupo liberá-los e prejudicaria nosso trabalho. Não tenho dúvida de que todos estarão dia 7. O grupo inteiro."

A reportagem do Estado de São Paulo procurou o STJD para saber se já havia recebido pedido de dispensa de jogador feito por algum clube, mas não recebeu resposta até o fechamento da edição. A assessoria de imprensa da CBF informou que não recebeu solicitação de dispensa de jogadores da sub-23, mas não respondeu se já havia chegado alguma requisição em relação aos atletas que vão ao Mundial Sub-17.

Já peitaram

Flamengo e Vasco já tiveram casos parecidos nos últimos meses. No início do mês, o rubro-negro não liberou Reinier para amistosos da seleção sub-17 na Inglaterra e conseguiu no STJD autorização para escalar o meia na partida contra o Avaí. O jogador foi titular e marcou um gol na vitória por 3 a 0, na 18ª rodada do Brasileiro.

Em agosto, o Vasco já havia obtido a liberação do STJD para escalar Talles Magno no clássico contra o Flamengo, após o atacante não se apresentar à seleção sub-17 para amistosos em Goiânia. Ele foi titular na derrota por 4 a 1.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    'Eu estou levando minha revolta para um lado de injustiça, eu preciso de uma resposta. Eu guardei tudo no quarto do bebê. Essa dor parece que não vai passar', completa.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O caso foi revelado em primeira mão pela rádio Itatiaia e repercute nacionalmente.

    Acessar Link