Notícias

Cidades de Minas ainda sofrem com falta da vacina AstraZeneca para 2ª dose

Previsão do conselho de secretarias é de que o problema persista até o início de outubro

Por Alessandra Mendes, 22/09/2021 às 08:45
atualizado em: 22/09/2021 às 08:48

Texto:

Foto: Fábio Marchetto/Agência Minas
Fábio Marchetto/Agência Minas

Doses da vacina AstraZeneca/Oxford

RESUMO

 

 

Sem doses da vacina da AstraZeneza, secretarias de saúde de diversas cidades de Minas enfrentam dificuldades para completar a imunização da população. O problema ocorre em municípios de todas as regiões, em maior ou menor intensidade. 

Em Santa Luzia, na região metropolitana de Belo Horizonte, há falta de doses da AstraZeneca desde agosto. Neste mês de setembro, o déficit de vacinas na cidade é de cerca de 7 mil doses. Coordenadora da atenção primária da cidade, Thais Botter diz não entender a situação e que a prefeitura é cobrada pela população, mesmo não sendo responsável pelo problema..

"No início as doses eram repassadas corretamente. De uns meses para cá isso não tem acontecido mais. Não existe um local em que eu solicite as doses necessárias. A gente até tenta entrar em contato, mas não temos resposta. A população não entende, a procura está enorme nos postos, e quem sofre é o próprio funcionário", afirma.

Relatos como esse de Santa Luzia se repetem em vários municípios em todo estado. Os problemas provocados pela interrupção da vacinação levam o Conselho de Secretarias Municipais do Estado (Cosems) a se posicionar pela liberação do uso da Pfizer para a segunda dose. É o que explica o vice-presidente da entidade, Ricardo Viana.

"Essa falta da vacina AstraZeneca tem causado problemas em todos os municípios do Brasil. Aparentemente, o problema foi resolvido há alguns dias, mas ainda persistiremos pelo menos até o início de outubro com falta recorrente em alguns lugares. Já deveria ter sido autorizado o uso da Pfizer para segunda dose, conforme estudos que mostram resultados positivos", pontua.

Em nota, o Ministério da Saúde informou que distribuiu, na última semana, quase 900 mil doses da Astrazeneca para Minas Gerais. Com a conclusão do envio para a primeira dose da população adulta, as vacinas são destinadas para novas etapas da campanha e para completar o ciclo vacinal da população.

Além disso, o Ministério da Saúde também informa que envia vacinas para dose de reforço em idosos acima de 70 anos e pessoas imunossuprimidas, vacinadas com qualquer imunizante. 

A Secretaria de Estado de Saúde informou, por meio de nota, que está atualizando junto aos municípios a situação de abastecimento de vacinas. A previsão é de que o levantamento seja concluído e detalhado até o fim dessa semana.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Partida acontece nesta terça-feira (7), às 11h. No jogo de ida, times empataram por 0 a 0. #Itatiaia https://www.itatiaia.com.br/noticia/galo-x-bragantino-fazem-final-do-bras...

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Militares do Corpo de Bombeiros também atuam, nesta segunda-feira (6), para evitar reignição no Parque das Mangabeiras, em BH. #Itatiaia https://www.itatiaia.com.br/noticia/s...

    Acessar Link