Notícias

Café Palhares serve há décadas PF mais conhecido de BH e foi até ‘plantão esportivo’

Por Redação, 14/08/2019 às 15:04
atualizado em: 14/08/2019 às 21:21

Texto:

Foto: Café Palhares/Divulgação
Café Palhares/Divulgação

O Café Palhares tem 81 anos e começou vendendo lanches diversos, como cachorro quente e sanduíche de pernil, antes do KAOL (cachaça, arroz, ovo e linguiça). O principal prato da casa chegou ter mil unidades vendidas por dia e, inicialmente, era apenas a alimentação dos funcionários do local.

Um dos donos do estabelecimento, João Lúcio Ferreira, explica que uma política econômica fez com que o PF ficasse ainda mais famoso. “Houve o congelamento de preços e o prato de comida chegou a custar R$ 10 em um valor de hoje. A gente abria a casa vendendo o KAOL e a fechava vendendo KAOL. Foi um dos momentos em que o KAOL se tornou mais popular.”

Ouça a reportagem completa de Edilene Lopes

Ele conta que o bar, que fica na rua dos Tupinambás, número 638, no Centro, chegou a ser ponto de venda de ingressos para jogos e de informe de placares de futebol. “A gente tinha um placar aqui na frente da casa em que a gente escrevia os resultados. Depois da reforma isso veio mudando um pouquinho. Na década de 70 a gente fazia excursões para jogos do Atlético, principalmente”, recorda-se.

Itatiaia

O operador de caixa do Café Palhares, Edson Geraldo Soares, trabalha no local há 50 anos. “Quando eu vim para cá minha intenção era só trabalhar, pegar o meu e mais nada. Acontece que veio a convivência, a gente foi gostando, se adaptando, quando se deu conta estava mais ou menos enraizado”, afirma.

O estabelecimento funciona de segunda a sexta-feira, de 7h às 22h, e sábado, de 7h às 21h.

Confira outras reportagens da série:

Histórias e curiosidades do quase centenário Bar do Orlando, no Santa Tereza
Tip Top: o restaurante mais antigo de BH e que sempre foi administrado por mulheres
Dono de um dos bolinhos de carne mais famosos de BH, Café Bahia vai completar 82 anos

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Bolsonaro provoca presidente da OAB: 'Posso contar como o pai dele desapareceu' https://t.co/VL1QAuI1sI https://t.co/uO2itrIBJh

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    'Eu estou levando minha revolta para um lado de injustiça, eu preciso de uma resposta. Eu guardei tudo no quarto do bebê. Essa dor parece que não vai passar', completa.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O caso foi revelado em primeira mão pela rádio Itatiaia e repercute nacionalmente.

    Acessar Link