Sulamerica - Maxiboard - Internas

Notícias

Atlético vence Uberlândia e garante classificação às quartas de final do Campeonato Mineiro

Por Redação, 08/03/2018 às 22:17

Texto:

Foto: Bruno Cantini/Atlético
Bruno Cantini/Atlético

Fazendo uma campanha irregular no Campeonato Mineiro, o Atlético enfim conseguiu carimbar a vaga para as quartas de final do Estadual. Jogando no Triângulo Mineiro, nesta quinta-feira, o Galo sofreu, mas venceu o Uberlândia por 2 a 0, no Parque do Sabiá, pela penúltima rodada da fase de classificação.

Ricardo Oliveira, no começo do segundo tempo, e Luan, no fim da partida, marcaram os gols da vitória do Atlético.

No entanto, o time da casa saiu na bronca com a arbitragem, que anulou um gol legal do Uberlândia aos nove minutos do primeiro tempo, quando a partida estava 0 a 0. Após escanteio, Alfredo desviou de cabeça e Daniel Pereira, na pequena área, testou para as redes. O auxiliar parou o lance assinalando impedimento. Mas a TV mostrou que Róger Guedes dava condição.

Com a vitória, o Atlético foi a 15 pontos e subiu para o terceiro lugar juntando-se a Cruzeiro, América, Tombense e Boa Esporte como os times já classificados para a próxima fase do Mineiro. Restam três vagas. 

Nenhum clube ainda está rebaixado matematicamente. O Uberlândia é o lanterna, com nove pontos, um a menos que o Democrata-GV, primeiro time fora da zona de rebaixamento.

Na última rodada, que será disputada no próximo domingo, às 17h, o Atlético tentará confirmar a terceira colocação diante do Tombense, em confronto direto, no Independência. No mesmo horário, o Uberlândia também faz duelo direto, mas contra a degola, diante da Caldense, no Ronaldão.

O jogo

O Atlético chegou com perigo pela primeira vez aos oito minutos em um chute de Cazares que passou perto do gol. No lance seguinte, o Uberlândia foi prejudicado pela arbitragem. Após escanteio, Alfredo desviou de cabeça e Daniel Pereira, na pequena área, testou para as redes. O auxiliar parou o lance assinalando impedimento. Mas a TV mostrou que Róger Guedes dava condição.

Mesmo sem muita inspiração, o time alvinegro tentava abrir o placar, mas parou em grandes defesas do goleiro Roni. Aos 21 minutos, Patric recebeu na área, tentou passar pelo marcador e a bola acabou sobrando para Elias, que chegou de trás soltando a bomba, mas o camisa 1 do Uberlândia salvou.
Roni roubou a cena novamente aos 35 minutos. Erik recebeu passe na área e bateu cruzado para grande defesa do goleiro. No rebote, Fábio Santos chutou a queima roupa, mas camisa 1 do Uberlândia salvou a equipe do Triângulo mais uma vez.

Apesar das chances criadas, o Atlético sofria para conseguir entrar na defesa do Uberlândia. Até que no começo da etapa final, o Galo abriu o placar sem precisar entrar na área adversária. Ricardo Oliveira recebeu na intermediária de ataque, girou e bateu de longe, acertando o canto de Roni.

O Uberlândia quase empatou minutos depois. Gabriel tentou dar um chutão para o ataque e acertou a bola em Ricardinho, que saiu cara a cara com Victor, mas finalizou na rede do lado de fora.

Luan entrou na partida no lugar de Róger Guedes e no segundo minuto em campo desperdiçou uma ótima chance para ampliar o placar para o Atlético. O atacante foi lançado nas costas da defesa do Uberlândia, mas chutou em cima do goleiro.

Se o Uberlândia reclamou de um gol mal anulado no primeiro tempo, foi a vez de o Atlético questionar a marcação da arbitragem em lance que seria o segundo da equipe na partida. Cazares cobrou escanteio na primeira trave e Ricardo Oliveira cabeceou para as redes, mas o árbitro invalidou o gol ao marcar falta de Leonardo Silva no lance.

Nos minutos finais, o Atlético criou chances para matar o jogo em contra-ataques, mas Ricardo Oliveira desperdiçou duas grandes oportunidades. Tomás Andrade acertou a trave, engrossando as chances perdidas.

Mas o Atlético ainda teve mais outra oportunidade para fazer o segundo gol e conseguiu. Após grande jogada de Cazares, que invadiu a área driblando os marcadores, o equatoriano tentou rolar para trás, o goleiro salvou com o pé e a bola sobrou para Luan. O atacante chegou batendo forte no alto, sem chances para Roni.

Uberlândia 0 x 2 Atlético

Uberlândia: Roni; Cesinha, Bruno Costa, Ferron e Rogério; Silvano, Marco Goiano (Eliomar), Daniel Pereira e Alê (Jean); Ricardinho (Saulo) e Alfredo. Técnico: Zé Teodoro

Atlético: Victor; Patric, Leonardo Silva, Gabriel e Fábio Santos; Adilson (Arouca), Elias e Cazares; Erik (Tomás Andrade), Róger Guedes (Luan) e Ricardo Oliveira. Técnico: Thiago Larghi

Motivo: 10ª rodada do Campeonato Mineiro
Data: 8 de março de 2018, quinta-feira, às 19h15
Local: Estádio Parque do Sabiá, em Uberlândia (MG)

Gols: Ricardo Oliveira (6’/2º), Luan (45’/2º)

Cartão Amarelo: Rogério, Saulo (Uberlândia); Patric, Adilson (Atlético)

Árbitro: Wanderson Alves de Souza
Auxiliares: Marconi Helbert Vieira e Leonardo Henrique Pereira

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Ministério de Bolsonaro terá mais militares do que em 1964: https://t.co/sD6HDUip4B https://t.co/eMoe55CzvJ

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Comparado aos outros governos que sucederam o general, o do presidente eleito está no mesmo patamar da gestão do general Emílio Garrastazu Médici, que tinha sete ministros mil...

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    As armas estavam dentro de uma sacola em um matagal na BR-040

    Acessar Link